Sempre que quiser ir às estrelas Follow story

lux-noctis Lux Noctis

Sorria, era feliz ao lado dele, havia conseguido tudo aquilo que tanto sonhava quando olhava para o céu e suas incontáveis estrelas. Neji havia lhe dado tudo, havia levado-a às estrelas e ainda levava (...).


Fanfiction Anime/Manga All public. © Capa por: Cyanis

#Se-Quiser---Tânia-Mara #Songfic-nacional #fns #bugbattle #uo #nejihina #neji-hyuuga #hinata-hyuuga #naruto-anime
Short tale
2
1461 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

...Me dê a mão

As lágrimas embaçavam a visão, o soluço fazia com que ela precisasse puxar o ar com mais afinco, enquanto o nariz estava parcialmente entupido. Limpava as bochechas com o dorso das mãos, não querendo que as lágrimas manchassem as vestes, mantendo uma pequena parcela de um orgulho que nem ao menos tinha. Olhou para frente, certa do que faria mas tão perto de desistir que lhe trazia um arrepio a lhe tomar a coluna e uma reviravolta na boca do estômago.


Se quiser fugir

Pra qualquer lugar que for

Nem precisa me chamar

Tão perto que eu estou


Teria desistido, teria dado meia volta em sua tão fugaz coragem. Teria. Mas a mão firme em seu ombro lhe dava segurança, lhe trazia de volta ao momento, ter a certeza de que não haveria melhor decisão a ser tomada.

— Pronta? — A voz suave e tão firme, aqueles olhos perolados que faziam-na não se sentir como frente a um reflexo, mas como à um alguém que, igual a ela, havia passado por provações.


Mas seu medo de perder

Não te deixa me olhar

Esqueça o que passou

Que tudo vai mudar


Desviou o olhar, por poucos segundos, sentindo a mão de forma delicada em seu queixo, tão logo secando-lhe as lágrimas que ainda seguiam livres pelo rosto. Seria uma vida nova, um recomeço onde as regras seriam esquecidas, onde existiriam os dois vivendo em prol de serem felizes, realmente felizes.

— Vai ficar ao meu lado? — A voz tão baixa, os olhos pidões por uma confirmação de que não precisaria mais ficar sozinha. Hinata olhava para Neji com a esperança de uma vida diferente.

— Sempre senhorita Hinata.

O sorriso, embora ainda tímido, tomava os lábios de Hinata enquanto a coragem tomava-lhe os pés, passo após passo, seguindo na direção de uma nova vida, uma ao lado de alguém que, com o passar do tempo passou a entendê-la tão bem quanto ela mesma, ou por vezes ainda melhor.

Quando longe o bastante do distrito Hyuuga ousou e tomou a mão de Neji junto à sua, tendo seus dedos entrelaçados aos deles, por partido direto de Neji que sorriu pelo ato de coragem de Hinata.


Agora eu posso ser seu anjo

Seus desejos sei de cór

Pro bem e pro mal você me tem

Não vai se sentir só, meu amor


Em meio à todas desavenças, desentendidos, treinos… Hinata se viu apaixonada por Neji, não apenas por seu ímpeto em protegê-la e treiná-la, mas pelo homem que ele se tornava, pelo sorriso discreto que ele se permitia quando ela conseguia bloquear seus ataques, pela forma doce com a qual ele se curvava ao término para se despedir, e como a olhava para afirmar que se veriam no dia seguinte para treinar mais. Ela sabia que poderia contar com ele, para todas as situações, como seu próprio guardião. Por isso agora seguiam lado a lado, de mãos dadas e sem olhar pra trás, sabendo que o que os aguardava estaria a frente.

Uma vida a dois, onde as regras impostas pelo clã não os alcançaria, onde Hinata seria realmente livre do peso que carregava nos ombros em ser a primogênita e por saber que herdaria as responsabilidades que não eram de sua vontade, mas sim de Hanabi.

Em todos os dias que passaram após aquela tomada de decisão, após fazer uma pequena lista de coisas e guardá-las para levar em viagem, após deitar-se com Neji pela primeira vez… Em todos os dias ela foi feliz. Talvez não o dia todo, mas ao deitar ao lado dele, estava feliz. Ao vê-lo levantar para acudir o filhinho que chorava no meio da noite, naquela casinha simplória mas tão cheia de amor, próxima à um lago e árvores frondosas e frutíferas.

E não era diferente ali, de pé frente a ele, ao homem que era parte tão importante de sua vida, seu recomeço, aquele com quem havia criado uma família, sentindo as mãos dele em seu rosto enquanto sequer notava a lágrima singela escorrer pelo rosto e ser parada pelo polegar alheio. Sorria, era feliz ao lado dele, havia conseguido tudo aquilo que tanto sonhava quando olhava para o céu e suas incontáveis estrelas. Neji havia lhe dado tudo, havia levado-a às estrelas e ainda levava sempre que compartilhavam a cama para mais que apenas descansar.


Sempre que quiser um beijo

Eu vou te dar

Sua boca vai ter tanta sede de me tomar

Se quiser

Sempre que quiser ir às estrelas

Me dê a mão, deixa eu te levar


Naquele ímpeto de coragem, o mesmo que há anos a fez tomar a mão de Neji junto à sua, agora tomava-a novamente. Levando a doce Hinata a ficar na ponta dos pés, selando seus lábios aos de Neji, aos lábios do pai de seu filho. O amor de sua vida e o homem que estava sempre ao seu lado.

Não mentiria e diria que a vida sempre foi de flores, mas desde que Hinata escolheu ele, a vida escolheu lhe sorrir, como Neji fazia agora.

June 29, 2019, 10:30 p.m. 2 Report Embed 3
The End

Meet the author

Lux Noctis A verdade é que não há absolutamente nada de especial aqui.

Comment something

Post!
pure ether pure ether
Caroooolllll!!! Amei! To com o coração quentinho aqui 💓 Amo isso deles com uma vidinha simples e cheia de amor, longe do Chernobyl do clã. Como sempre lindíssima escrita. Muito obrigada por me agraciar com ela.
June 29, 2019, 11:31 p.m.

  • Lux Noctis Lux Noctis
    Hello!! E mais uma vez o coração foi aquecido, graças à Carol. (deixa eu me sentir, ok). Eu amo essa vidinha de rotina, de amor e de carinho onde eles ficam juntos e são felizes ♥ Sou slut por isso sim, admito. E combina com eles demais! Longe do clã, sendo a família que eles precisam, porque é isso! São felizes um com o outro e ponto! E ainda somaram com um bb ♥ Bjs July 9, 2019, 8:50 a.m.
~