Chefe - KakaSaku Follow story

jaqueline-peixtoo Jaqueline Peixtoo

Sakura Haruno está vivendo um caos após se tornar secretária de um verdadeiro demônio engravatado, mas popularmente conhecido como Kakashi Hatake, ele filho Sakumo Hatake amor de pessoa mais Kakashi é chefe se demonstrar ser insuportável e completamente rude, mesmo que suas ações não sejam sempre intencionais.


Fanfiction Anime/Manga For over 18 only.

#amor #odio #secretaria #chefe #kakasaku
Short tale
2
949 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Desejo Flor da Pele...

Sakura Hakuro, tenho 22 anos moro em Londres pequeno apartamento, trabalho na Empresa Hatake’s empresa publicidade, trabalho a 8 meses. Era apenas para ser dia comum, mais por sinal acordei atrasada levanto da cama correndo olho no relógio marca 07h20min estava bastante atrasada, direto banheiro tomei banho rápido, logo sai peguei blusa branca de botões, saia preta social, meu scarpin preto, deixei meu cabelo solto passei maquiagem leve. Pego minha bolsa, chave do meu carro e maça na fruteira, e peguei elevador para terreio direito para vaga meu carro esta estacionado sai do prédio onde morava. Pior situação pego engarrafamento infernal, hoje tenho certeza aquele demônio de cabelos branco me matar por chega atrasada.

Cheguei na empresa ás 08h10min, corri peguei elevador, logo subi para 9º andar, direto minha mesa dei suspiro profundo de alivio, mais logo paz acabou Ino chega como uma cara.

- Ino: Você esta atrasada Testa.- ela disse me olhando – Tentei te dar cobertura, acho não deu muito certo, o chefe esta uma fera disse quando você chegasse era direto sala dele.

- Sakura: Porque esta de marcação comigo. – murmurei deixei coisa em cima da mesa – O engraçado todo mundo pode chega atrasada menos eu. – foram 10 minutos de atraso, parece não pode sentir minha falta, se ele fosse meu chefe mandaria ele aquele lugar.

- Ino: Acho melhor para de reclamar antes pior as coisas para você. – não dei muito ouvindo para Ino esta nervosa demais.

Meu chefe Kakashi Hatake, aquele idiota parece tem prazer de me atormenta, adora me explora fazendo fica depois do horário preciso tanto desse emprego tenho aguanta ser filho da puta.

Fui direto sala dele, por sinal porta esta fechada, dei duas batidas, e ouvi para “entra”, lá esta ele sentando sua mesa como cara de tedio posso espera vai sobra alguma coisa para mim.

- Sakura: Senhor Hatake me chamou? – eu falei seca quando ele tira olhar dos papeis na sua mesa olhar minha direção.

- Kakashi: Sim chamei. – ele falou. – Por favor, feche a porta e sente-se, - ele falou e eu simples obedecer, comecei observar aquele homem minha frente cabelos prateados meio bagunçados, camisa social branca marcava bem seu peitoral, uma gravata vermelha, calça social preto apertada na coxas, seu palito no encosto da cadeira, é homem deixa qualquer mulher atordoada tenho falava verdade ele muito sexy,- Atrasada pela segunda vez senhorita Haruno.- ele me chamou pelo meu sobrenome com certeza estou ferrada.

- Sakura: Desculpa minha sinceridade quase todos chegam atrasado, você nunca chama ninguém dos sermões. – eu cruzei os braços, - cheguei 10 minutos atrasada.

- Kakashi: Senhorita Haruno não quero sabe das sua desculpas por te chegando atrasada. – como sempre seu jeito grosso de ser,- Ficara depois do horário revisar alguns documentos comigo.

- Sakura: Não estou falei nada... Tenho total consciência que chega atrasada nem por isso você te direito de mim punir dessa for, ate parece ser perseguição.- ele esta me olhar de um jeito dava ter medo depois minutos da sorrisinho sarcástico, eu minha boca grande agora vou ser mandada embora justa causa.

- Kakashi: Já disse ficará depois do horário. – ele disse tom serio não me dando muito opção. Levantei direção a porta esta bufando raiva dou olhada para trás ele continua como aquele sorriso sínico, que vontade tirar aquele sorriso do rosto dele, sai fechei a porta.

Fui direto minha mesa esta bufado se pudesse matava aquele cara, Ino esta me olhando esperando falar alguma coisa, só lembra daquele sorriso sarcástico me anciã de vomito como cara tão bonito e sexy pode ser mesmo tempo irritante e arrogante.

- Ino: Sakura, o que chefe falou para você esta tão irritada assim. – ela me conhece muito bem não tem como esconder nada, somos grandes amigas.

- Sakura: Como punição chegar atrasada, aquele demônio fica depois horário.- estava tanta raiva daquele idiota.

- Ino: Pega muito pesado como você, até parece....- aquela passa que ela fez me deixo como pulga atrás orelha.

- Sakura: Continua Ino, termina frase? – Sou muito curiosa queria muito sabe o que porca esta pensando.

- Ino: Esta parecendo toda essa perseguição ele esta afim de você! – Não aguentei rir da cara dela, de onde essa garota tira isso. Percebe ela me olhar cara super seria.

- Sakura: Ino fala isso nem de brincadeira. – será isso tudo e verdade o que essa doida acabou falar.

- Ino: Estou quase como 100% de certeza, bonitão Hatake esta afim de você amiga... – Aquela palavra ficaram minha mente será possível Kakashi esta afim mim só tão sem sal.

- Sakura: Vamos deixa assunto depois, ainda muito trabalho fazer. – estava tentando foca no trabalho, mais Ino conseguiu me deixa completamente perdida.

O dia parece estava passado em câmera lenta, tive fazer pilhar de relatório fazer Kakashi não em deixou minuto em ´paz, estava exalta queria esse dia acabasse pudesse ir casa toma um banho quente e descansar. Hoje sexta-feira não estava como animo para sair, vou ate refeitório pegar pouco de café entro Ino e Tenten conversando.

- Tenten: Oi Saky! – ela esta sorrisão enorme.

- Sakura: Olá Tenten. – falei tom voz seco.

- Tenten: Nossa que desanimo esse? – dei ombro pega meu café.

- Ino: Esta de mal humor gostosão Hatake disse fica depois horario.- juro Ino fosse minha amiga já tinha partido para cima dela.

- Sakura: Ino! – Tentei mostra estava irritada, ela dá sorriso sem graça.

- Tenten: Hatake homem muito bonito, gostosão, Deus grego mais seu mal humor faz perde toda tensão. – olhamos uma para outra começamos rir alto.

- Ino: Parece que ele tem pegada. – dessa vez tinha concorda como aquela tarada, só falar como voz rouca me deixa toda molhada.

- Tenten: Saky que tipo homem você gosta na hora sexo aquele romântico ou daqueles te dominam é puxe seu cabelos. – tenho confessa minhas amigas são pervertidas.

- Sakura: Não sou dessa que gosta de romance na hora sexo, não gosto nada disso, eu gosto que puxe meu cabelo e me fode como força, deixa marca pelo meu corpo. – vejo duas cara de espertadas mais não falei nada e mais, quando me assusto voz rouca atrás de mim, causando calafrios.

- Kakashi: Desculpe atrapalha conversa vocês, senhorita Haruno preciso vai minha sala imediatamente. – não consegui nem olhar nos seus olhos morrendo vergonha, como iria encara-los depois ter ouvindo nossa conversa.

- Sakura: Sim senhor Hatake. – Sai do refeitorio seguem pelo correndo, meu coração esta mil, olho duas bestas começaram a rir de mim.

- Kakashi: Pode me chamar só Kakashi. - Saiu

- Ino: Amiga você deveria ver sua cara. – As duas pareciam hienas rindo minha cara.

- Tenten: Ino vamos embora. Até mais Saky. – Nossa que grandes amigas eu tenho ficam suado minha cara.

Tenten e Ino e assim como outro funcionaram foram embora, não tinha inverta desculpa dessa vez pego minha bolsa vou direção da sala do meu chefe. Porta esta encostada meu coração esta mil, empurro porta.

- Sakura: Com licença Senhor Hatake! – Por que será estou tão nervosa assim.

- Kakashi: Pode entrar Sakura, por favor me chame de Kakashi. – ele falou, mas aquele olhar diferente como se me desejasse, Sakura só coisa da sua cabeça ele seu chefe esta ando muito Ino,-. Sente-se Sakura.

Observe parece esta diferente de hora atrás, notei tinha manga sua camisa esta dobrada, sem gravata, um botão sua camisa esta desabituado deixa mostra peitoral bem definido, mordi lábio inferior esta desejando aquele homem seu corpo parecia bem mais tentador antes.

- Kakashi: Algum problema Sakura? – ele me tira do meu transe, fazendo leve mente corada.

- Sakura: Não há problema algum. Ele esboça sorriso que safado sabia esta babando nele.

Verificamos vários documentos, deixamos organizado tudo por data facilita nosso trabalho colocamos dentro de pastas. As vezes pego ele me observando tento fingir não estou vendo.

- Sakura: Por que você sempre deixa depois horario? – sei arrepende te perguntando.

- Kakashi: Gosto da sua companhia, Sakura. – ele me olhar fixamente meus olhos, faz minha intimidade pulsar. Parece perfume amadeira invadiu minhas narinas, ele leve mordinha no lábio matinha olhar fixo mim, fico sem jeito para desfaça coloco mechas atrás olheira.

- Sakura: A sua esposa fica brava chega atrasado em casa. – me olhou dá sorriso malicio.

- Kakashi: Sakura, não sou casado e também não tenho namorada. Estou solteiro, envolvo como algumas mulheres não passam de encontro casual, ou seja, sexo sem compromisso.- agora puder ver claramente tinha tomo malicia tudo ele dizia,- Quanto a você?

- Sakura: Sou solteira, tiver alguns relacionamentos nada serio. – com certeza esse tipo de pergunta acaba muito mal. Ele se levanta pega pastas sobre a mesa coloca sobre uma estante.

- Kakashi: Você aceita bem alguma coisa? Tem whisky e vodca , o que prefere?

- Sakura: Whisky como gelo.- ele preparado dois copos, entra para mim copo whisky senta na mesa na minha frente, sentia me rosto fica vermelho. Tomei pouco bebida, e cruzei minha perna nesta hora Kakashi olhava todo meu corpo.

- Kakashi: Quantos anos você tem Sakura?

- Sakura: Vinte e dois. E você?

- Kakashi: Trinta e sete. – ele mordia lábio, com certeza já percebeu estou louca por ele,- Posso fazer pergunta pouco intima? – agora sem estou suando muito, bebi pouco de whisky.

- Sakura: Claro!

- Kakashi: Quanto tempo você não faz sexo? – me levantei, parei na sua frente, inclinei pouco frente apoiei as mãos na mesa, cheguei próximo seu ouvindo e sussurrei.

- Sakura: Você muito curioso, sabia. – ele da sorrisinho quase fez desmancha, colocou mão minha cintura puxando entre a pernas dele, posicionar perto meu pescoço começa deposita beijos causa arrepios, aproximo do meu ouvindo e sussurro.

- Kakashi: Quero você, Sakura. – tentei afasta dele, puxa mais perto nos olhares se cruzam. Lentamente se aproxima dos meus lábios desferre beijos molhados, depois volta ate meu pescoço como ponta do nariz começa me cheira onde faz dá pequeno gemido,- Quero muito você, seja só minha. Sei assim como eu, você me desejar.

Ele e puxa pela nuca e me beijar, nossas línguas estavam em choques, era mistura desejo como sabor whisky. Não demorou começa desabotoar minha camisa senti sua mão meus seios apertando.

- Sakura: Sim... Sim... quero você.- em meio gemidos e beijos, ele se afasta da mesa sem para os beijos, me pega cintura coloca cima da mesa, começa ergue minha saia já puxa minha calcinha.

Kakashi fica entre minha perna começa passa língua minha intimidade causando tremores, nossa aquele homem sabia trabalha muito como língua tinha hora lambia e sugava, parecia lobo faminto, eu puxava seu cabelo e gemia alto. Ele enfio dedo, não demorou coloco outro dentro esta no paraíso.

- Kakashi: Goza para mim, minha vadia só para mim.- eu gozei, ele tomou tudo, passava língua por toda extensão intimidade. Ele se levantou me olhou nos olhos e me beijo, senti gosto minha goza de se misturando seu beijo.

Logo se afasta de mim, começou desabotoar camisa a tira logo foi calça desceu levamente, ficando cueca box preta começa acaricia seu membro. Terminei de livra das minhas roupas fiquei nu sua frente desço da mesa, me ajoelho sua frente tirei seu membro rígido, para fora cueca logo comecei lamber da base ate ponta. Passei língua sua glande fazendo dá gemido rouco, depois aborcaquei tudo fazendo movimento vai e vem seu membro pulsava na minha boca ele segura meu cabelo. Cada vez mais gemida de excitação, estava perto de goza puxa meu cabelo mais força.

- Kakashi: Engoli tudo, minha puta! – tomei ate ultima gota. Precisa sentir aquele homem dentro de mim.

- Sakura: Quero sentir você dentro de mim! – olhava para ele, seu membro esta duro novamente.

- Kakashi: Sakura... Não me provoca... – ele disse me pega no colo me leva contra parede começa pincelar seu membro entrada da minha intimidade, ele entrou de uma vez,- Aah que delicia toda apertadinha.- Gemia como primeira estocada cada vez mais pressionava contra parede gelada, ele começa gemer próximo meu ouvindo isso me excita começo unhar suas costas. Logo estocadas ficaram mais fortes e intensas.

Kakashi continuou como ritmo frenético, aquele homem esta me deixando louca, tanto fazer, ele me segura como aqueles braços forte me leva sofá tinha na sala.

- Kakashi: Fica de quatro para mim. – Ele me ordenar, faço o que pedi me apoio no sofá se posiciona atrás de mim entra de vez, estocadas forte e profunda, na sala ecoava nossos gemidos e som nossos corpos de chocado,-. Ah Sakura! – puxa me cabelo como força e apartava minha cintura outra mão, ele gemia meu ouvindo isso me deixa mais alucinada por ele,-. Você e minha puta, Sakura.- Logo me puxa como mais força dá estocada mais força,-. Me responde?

- Sakura: Sou sua puta, Kakashi. – ele dá sorrisinho malicioso me dá tapa na bunda, depois outro esta amando se tratada essa forma.

- Kakashi: Você minha vadia, quero ouvi da sua boca? – esse jeito dele autoritário, era diferente, sei quanto arriscado funcionário se envolver chefe mais queria muito mais desse homem.

- Sakura: Sou sua vadia, sou tudo que você quiser seja! – dou olhadinha para atrás estava sorriso vitorioso, logo da tapa depois puxa mais fazendo arquear corpo vira meu rosto deposita beijo meus lábios.

- Kakashi: Vamos muita posição. – ele senta no sofá, puxa para cima do seu colo,-. Quero te ver quando faz amor. – será foi isso mesmo que ouvir quer ver, posicionei em cima do seu membro desço lentamente, sensação gostosa faz ambos gemer começo movimentar devagar ele coloco mecha do meu cabelo atrasa orelha seus olha ficam fixando aos meus.

Logo estava cavalgado como toda intensidade, meus seios pulavam, Kakashi segurava como as duas mãos minha cintura ditado ritmo frenético estocadas cada vez mais fortes, minha intimidade estava pressionado meu membro, gemido altos ecoava sala toda, ate cheguei meu ápice.

- Sakura: Aaah Ka... Kashi vou go-zar...

- Kakashi: Também vou... Sakura... gozar pa-ra mim...

Gemia alto, Kakashi dá ultima estocadas fortes senti o seu gozo dentro de mim, respiração ofegante, me aconhecei sobre seu peito assim pude senti seu perfume misturando como suor, ele retira seu membro dentro de mim, logo ele me abraça e beijar na testa.

- Kakashi: Você só minha... – aquelas palavras me fizeram sentir tão feliz, mais depois lembrou que ele meu chefe as pessoas poderia pensar mal de mim ou coisa do tipo,-. O que foi Sakura?

- Sakura: Kakashi, amei transei como você mais sou secretaria. – Abaixei a cabeça logo lagrima correu no meu rosto, ele percebe esta chorando me abraça mais força.

- Kakashi: Sakura, disse você é minha. Não me importo opinião dos outros estou apaixonado por você. Quero muito ser minha mulher.- levantei a cabeça olhei no fundo dos seus olhos, ele abrir sorriso encantador,-. Você aceita ser minha mulher, Sakura Haruno?

- Sakura: Você esta falando serio? – não estava acreditando aquele homem que pode ter qualquer mulher ao seu lado, propondo ser sua mulher.

- Kakashi: Nunca falei tão serio. Você aceita se casar comigo? Sei meio precipitando não consigo viver sem você, não pode te beijar, abraçar, senti seu cheiro ou ter meus braços. – ele estava falando serio mesmo, quer como sua mulher.

- Sakura: Eu aceito Kakashi Hatake! – ele abrir sorriso encantador seus olhos brilhavam de uma forma, nos beijamos intensamente só separamos por falta de ar.

- Kakashi: A partir hoje vem mora comigo. Te amo tanto Minha Flor...

- Sakura: Te amo Meu Amor...

June 26, 2019, 3:04 p.m. 0 Report Embed 0
The End

Meet the author

Jaqueline Peixtoo Oi genteee!!! Eu sou Jaquelinepeixto, prazer enorme conhece-los... Sou do signo de peixes Tenho 27 anos Gosto de fanfic de animes.

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~