Countdown to The Authors' Cup 2020. Sign up now for the chance to win prizes!. Read more.
nanda_sousa Nanda Sousa

Byun Baekhyun possuía uma vida normal: todas as manhãs vai até a cafeteria de seu melhor amigo, de lá seguia até o trabalho voltando somente de noite e caindo na cama de cansaço, tudo era pacato na sua vida até que no final de uma tarde de chuva, sua vida mudar completamente após ser salvo e ao repará-la sentiu em seu coração, de alguma forma, parecia reconhecer de outras vidas. Choi Eun-Bi era uma garota que trabalha de fotógrafa, sendo considerada uma das melhores de toda a Coreia. Ela adora admirar o céu e não se importava em ficar horas olhando as estrelas, até porque sentia uma forte conexão com os astros, e uma conexão ainda maior quando o viu e naquele momento ela sentiu, que seu destino estava prestes a mudar. “O tempo nem os deuses podem apagar um amor verdadeiro, especialmente se os dois amantes de outras vidas se reencontram.”


Fanfiction Bands/Singers Not for children under 13.

#yixing #sehun #lay #chen #suho #xiumin #minseok #junmyeon #jongdae #jongin #kai #kyungsoo #chanyeol #baekhyun #exo
5
4.0k VIEWS
In progress - New chapter Every Friday
reading time
AA Share

Testemunha

Reino de Goryeo.

Tudo estava em silêncio entre os corredores do palácio, a família real dormia em seus aposentos enquanto a maioria dos criados estavam em seus alojamentos, os guardas eram silenciosos em sua ronda e a única testemunha do que aconteceria ali era a lua que brilhava no céu na sua forma cheia assim como as estrelas.

O príncipe se esquivava aos poucos pelos corredores e laterais dos muros do palácio com medo dos guardas o flagrarem na sua fuga proibida, por alguns momentos chegou a hesitar mas seria fraco, e isso ele se recusava a ser isso nem que precisasse enfrentar toda a guarda.

E tudo isso para vê-la.

Ser da realeza não era nada fácil, principalmente por ser uma ameaça ao seu irmão mais velho na questão de subir ao trono e assumir o controle do reino.

Silencioso como um puma, o príncipe foi andando até a floresta e perdeu o fôlego ao vê-la esperando. Em toda a sua vida ele nunca havia visto uma moça com tamanha beleza como Hae-In, nem mesmo entre as nobres, que possuía um rosto de menina com suas feições delicadas mas seu corpo era como o de uma mulher mesmo em suas 18 primaveras.

- Você veio – ela disse feliz.

- Eu lhe prometi não? – falou com um sorriso e depositou um beijo em sua testa.

- Então, irá mesmo se casar? – perguntou a Hae-In lembrando o motivo do encontro.

- Fugirei contigo.

- Alteza! – começou a garota.

- Já passamos dessa fase, eu quero ir contigo para longe daqui.

- E como irá se sustentar?

- Trabalharei, eu não me importo como irei sobreviver desde que esteja ao meu lado.

Hae-In comovida, selou seus lábios junto ao do príncipe em um beijo profundo e cheio de sentimentos onde ficaram naquele momento até que os pulmões berrassem pelo ar que se tornava escasso. O príncipe reparou que a garota tinha as bochechas rubras e sentiu o seu coração se aquecer por aquela cena que ele sabia que era o responsável por ela estar assim.

- Eun-Soo – chamou a garota – Você me ama?

- Mais do que podemos contar a estrelas.

Ambos iriam se beijar novamente se o barulho dos guardas não o tivessem assustado, os obrigando a entrar em estado de alerta.

- Jung Hae-In – gritou o capitão da guarda – Você está presa por acusação de magia negra. Prendam-na!

- O que? – perguntou o príncipe – Soltem-na agora mesmo!

- Desculpe alteza, foi ordens do rei. Você está sentenciada ao enforcamento ao amanhecer.

- Não! Eu não sou bruxa! Por favor não me matem – berrava a garota aos berros enquanto se debatia para não ser levada – Eun-Soo, acredite em mim.

- Soltem ela agora! Eu sou sua alteza e ordeno! – disse o príncipe.

- Não desobedeça o rei, capitão.

O irmão de Eun-Soo apareceu montado em um cavalo fazendo todos os guardas se curvarem diante de ti, afinal ele era o soberano.

- Irmão, solte ela por favor. Eu me caso se esse é o problema, faço tudo o que desejar – pediu o príncipe – Mas não a mate. Apenas criminosos vão para a forca.

- Ela é uma criminosa, foram encontrados documentos em sua casa que não são de escrita comum envolvendo a lua, as estrelas e os astros – disse o rei se aproximando da garota – Ela iria mudar o tempo e fazer ameaças, precisa ser impedida.

- Não é porque uma mulher quer estudar que é uma bruxa – disse Hae-In e em resposta um murro lhe foi deferido no rosto.

- Não ouse falar comigo.

- Não toque nela! – berrou Eun-Soo tirando a espada de um guarda que estava próximo a ele e avançando para cima de seu irmão com fúria.

Em resposta ao ataque, o príncipe acabou sendo atingido por uma flecha de um guarda que estava a distância antes mesmo de poder chegar próximo ao rei, fazendo assim, largar a espada com tudo no chão e caindo de joelhos quando outra flecha lhe fora acertada na coxa.

- Traindo-me irmão? – perguntou o rei estendendo ao guarda uma espada – Sabe o que isso significa?

- Eu sei, e não tenho medo da morte – disse rangendo os dentes de dor. O rei, com os olhos brilhando de fúria, cortou a garganta de seu irmão e atravessou a espada em seu peito fazendo Eun-Soo engasgar e soltar sangue pela boca.

- NÃO! – berrou Hae-In. O rei virou na direção da garota, e a olhou com desprezo antes da espada cortar-lhe a garganta e seu corpo cair em um baque no chão. Ela ainda ofegava e sentia os olhos arderem a fazendo soltar algumas lágrimas.

- Vamos, deixem-os ai para servirem de alimento aos animais e vermes – ordenou o rei subindo no cavalo e voltando ao palácio sendo escoltado pelos guardas.

Naquela floresta, sobraram apenas os dois como havia sido minutos atrás porém, dessa vez não eram como planejavam. Hae-In foi rastejando até o corpo de Eun-Soo que se encontrava pálido e sem vida.

- Meu amor – disse com dificuldade – Me desculpe, por tudo. Eu te amo, nunca se esqueça disso. Por favor – pediu olhando para as estrelas – Não deixe o nosso amor acabar nunca, não importa aonde e quando iremos nos encontrar...eu prometo.

March 27, 2019, 4:10 a.m. 0 Report Embed Follow story
5
Read next chapter Pizzas e Fotos

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~

Are you enjoying the reading?

Hey! There are still 1 chapters left on this story.
To continue reading, please sign up or log in. For free!