Me ensina a amar Follow story

saaimee Ana Carolina

Está é a estória de um lobo que descobriu que o pior raposo que conhecia tinha encontrado o amor nele e foi tentando fugir que eles caíram nessa armadilha de sentimentos onde nenhum dos dois sabia como escapar. 「Aizome × Kaneshiro 」 ------------------------------------------------------------------------ → Capa feita por mim. → Fonte utilizada: Love & Trust. ✼ Postar esta estória em qualquer página sem a minha autorização é completamente proibido. Plágio é crime e eu tomarei providências.


Fanfiction Anime/Manga Not for children under 13. © Os personagens desta estória pertencem B-Project. Todos os direitos sobre eles são reservados a © Love & Art/Mages.

#homossexualidade #fluffy #angsty #comedia #romance #mikamomo #fanfic #slash #shounen-ai #yaoi #bl #thrive #aizome-kento #kaneshiro-goushi #aikane #b-project #bpro
1
3361 VIEWS
In progress - New chapter Every 30 days
reading time
AA Share

Prólogo. O lobo e o raposo.

Em um lugar muito distante havia uma floresta onde pequenos animais felpudos e criaturas místicas amáveis existiam. Nesse lugar, eles eram acolhidos pelo poder da música e guiados pela esperança de seus sonhos.

Viviam seus dias em harmonia, porém sem descanso! Cada um se esforçava muito por ali fosse para melhorar a si mesmo ou para ajudar os outros e faziam de tudo para que não houvesse mau ou perigos que não pudessem resolver. Com tanto amor e alegria, para esses pequenos todo momento era feito para se comemorar alguma coisa. Para todos menos o senhor lobo.

Esse era um animal teimoso que dificilmente abandonaria a toca por motivos tão bobos como este. Um animal que seguia uma rotina solitária e se sentia farto por ter que aguentar o carneirinho e os irmãos coelhinhos o perseguindo sempre que por acaso o encontrava. O senhor lobo jurava que não era amigo deles, mas sempre fazia questão de deixar alguma comida em suas tocas quando voltava da caçada.

Todos sabiam que ele era sozinho e gostava de fazer as coisas do seu jeito por isso não se intrometiam. Afinal, para ele, nunca houve nada de errado em viver essa vida pacata onde afastava qualquer intruso que pudesse o ferir com um único rosnado. E seria sim uma vida perfeita se não fosse pela aparição do senhor raposo que sem ser convidado invadiu seu território de um dia para o outro mudando toda sua vida de lugar.

Aquele animal azulado era do tipo exagerado que o lobo detestava. Daqueles que passava o dia todo andando pela floresta como se o mundo estivesse aos seus pés, que adorava chamar a atenção de raposas e das corsas que se derretiam por ele como sorvete no sol e, se isso não fosse o suficiente, ele ainda era folgado ao extremo para passar a noite cantando atrás da toca do senhor lobo. Ele era o pior!

Tantas foram as vezes que o lobo lhe mostrou os dentes e o perseguiu para fora dali que já tinha perdido a conta. Porém o que o irritava de verdade não era as vezes que o raposo voltada, mas os sorrisos que lhe mostrava sempre que o via.

Já tinha se passado semanas, meses e, se continuasse, se tornaria anos. Estava cansado de ver o rosto dele, de ouvir sua voz e principalmente de se perguntar como ele era quando não estava fingindo ser todo perfeito. Já tinha decorado seus costumes e até conhecia seus gracejos melhor do que as garotas. Queria sua paz de volta, queria que ele desaparecesse e levasse junto essa bagunça que causou em sua mente. E se o raposo não fizesse isso por bem então o lobo faria por mal.

Ele definitivamente daria um jeito nessa situação e acabaria com seus pensamentos exagerados quando o visse indo embora, entretanto, o senhor lobo só não sabia que o raposo tinha um motivo bem óbvio para fazer tudo isso.

Jan. 28, 2019, 11:46 p.m. 0 Report Embed 0
Read next chapter Capítulo 1. Deixando a taça transbordar.

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~

Are you enjoying the reading?

Hey! There are still 5 chapters left on this story.
To continue reading, please sign up or log in. For free!