Ponto de Partida Follow story

vanychan734 Vany-chan 734

Quando o Leão Negro localizou Shiro perdido no espaço, Keith sentiu-se radiante por tê-lo de volta para si, mas isso muda quando o mais velho não lembra da convivência entre eles no espaço.


Fanfiction Cartoons Not for children under 13.

#angst #SheithNamora #GalraKeith #un #sheith #voltron
Short tale
2
3544 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Capítulo Único - Ponto de Partida

Notas Iniciais: Olaar! Outra Sheith para vocês! Ultimamente esse casal tem dominado minha cabeça hahaha Espero que gostem <3

A fanfic foi baseada na fanart do tumblr: 33-ko (que o ink não me deixa colocar por causa do tamanho).

Arte da capa por deerlordhunter no tumblr, edição feita por mim.

 -----------------------------------------------

 

Depois de tanto tempo com Shiro desaparecido, encontrá-lo era como um bálsamo para os paladinos e, principalmente, para Keith. Quando trouxeram a nave galra para o interior do Castelo, ele correu para a cabine de piloto e o ajudou a se libertar, retirando o cinto e removendo seu capacete com cuidado. Keith nunca havia visto Shiro com um visual tão desleixado, com o cabelo longo e barba por fazer, mas isso não o tornava menos belo para si.

- Shiro... – chamou, acariciando sua bochecha.

- Keith? – foi a única palavra dita por Shiro antes que desmaiasse.

- Vamos colocá-lo em uma das cápsulas do castelo! Rápido! – Allura gritou, fazendo Keith passar o braço pelas costas de Shiro e carregá-lo até a enfermaria.

Lance o ajudou no meio do caminho e juntos colocaram Shiro na máquina alteana de recuperação, que mostrou seus baixos níveis vitais.

- Ele vai ficar bem?

- Sim, Keith. Vovô projetou as cápsulas para garantirem a sobrevivência de quaisquer paladinos! – Coran falou orgulhoso.

- Posso ficar com ele? – Keith questionou a ninguém em particular.

- Cara, eu sei que você está preocupado, mas nós estávamos saindo em missão... – Lance pontuou enquanto colocava uma mão sobre seu ombro.

- Nós precisamos de você lá – Pidge falou – Todos estamos preocupados com Shiro, mas se o Voltron for necessário...

- Tudo bem... – Keith suspirou descontente – Coran, cuide dele, por favor.

Ele deu uma última olhada para Shiro e então seguiu os amigos.

- Pode contar comigo, Keith! Boa missão, paladinos!

A infiltração na base galra foi rápida e bem sucedida. A Espada de Marmora ocupou o local em minutos logo após seu chamado e, assim que os rebeldes chegaram, ele ordenou aos paladinos que assumissem seus leões e voltassem para o castelo.

Para Keith, tudo que importava era o estado de Shiro, e segundo Coran ele já havia despertado e agora estava em seu quarto repousando.

- Pessoal, eu vou...

- Nós sabemos, cara – Lance falou cúmplice – Estaremos no convés caso queiram se juntar a nós.

Keith sorriu de leve. Sua relação com Shiro não era segredo para os demais, ainda assim era vergonhoso saber que eles tinham ciência de seu relacionamento e do que provavelmente viriam a fazer em seu reencontro.

Mesmo assim, deu as costas a eles e caminhou até os dormitórios, bateu à porta de Shiro e esperou ansioso pela autorização para entrar, que veio em instantes. Keith entrou depressa e assim que o viu se sentar na cama se jogou nele, apertando-o contra si.

Shiro retribuiu o abraço de forma languida, mas Keith não se incomodou com isso.

- Você nos assustou... – confessou rente ao ouvido dele e em seguida se afastou para olhar os olhos castanho-acinzentados do companheiro.

- Desculpe... – Shiro sorriu ameno.

Keith podia sentir seu coração disparado por finalmente poder olhá-lo e tocá-lo de novo. O tempo que estiveram separados foi suficiente para confirmar tudo aquilo que já sabia há mais de um ano: ele amava Shiro. E tê-lo perdido uma segunda vez para os galras fez a saudade quase sufocá-lo inúmeras vezes, por isso agiu naturalmente e inclinou sua cabeça em direção a dele, capturando os lábios de Shiro com os seus num movimento doce.

Entretanto, quando Shiro se afastou e o fitou espantado, Keith sentiu seu coração se partir ao reconhecer confusão nos olhos escuros.

- Shiro? Eu fiz algo errado?

- Keith! – Shiro aparentava estar transtornado pelo beijo – Eu... eu não posso...

- Mas, Shiro...

- Keith, nós somos amigos... – ele desviou o olhar e se afastou do mais novo.

Nós somos amigos.

Keith prendeu a respiração, reconsiderando tudo que ambos tinham vivido até o momento. Shiro e ele eram amigos no passado, mas depois de tantas batalhas no espaço ambos haviam se aproximado e assumido que os sentimentos fraternais tinham se tornado mais profundos, românticos especificadamente.

Eles não eram amigos há muito tempo, mas Shiro não se lembrava disso.

- S-Shiro, qual é... qual é a última coisa que você se lembra? – Keith estava tão impactado que gaguejou a pergunta.

- As prisões galras... Eu gostaria de ficar sozinho... ainda estou com dor de cabeça, Keith. Me desculpe, eu não posso...

A resposta foi como um soco no estômago do paladino negro, que abriu a boca para refutá-lo, mas desistiu no mesmo instante e em seguida saiu do quarto depressa. Ele não conseguiria se dirigir a Shiro naquele momento, não depois de saber que ele esqueceu cada promessa, abraço e beijo compartilhados.

Ele não podia lidar com isso.

Keith andou desorientado pelo castelo até as lágrimas começarem a embaçar sua visão e o obrigarem a se escorar numa parede para poder chorar sem o perigo de bater em alguma coluna ou porta. Ele tremia, arfava e as lágrimas quentes escorriam pelas bochechas como se fossem a nascente de um rio. A dor da rejeição era pungente e o tirava o ar e ele não conseguia acreditar que depois de tudo que viveram juntos, Shiro teria simplesmente esquecido dele.

Keith soluçou e se encolheu quando ouviu passos em sua direção e a voz de Lance o chamando preocupado.

- Keith! Keith! Cara, o que aconteceu? Você está bem?

- Não é ele! Ele não é o Shiro! – Keith falou entre soluços, e aquela pareceu ser a pior afirmação que já fez em sua vida.

O homem que haviam resgatado era qualquer um, menos o Shiro que conheciam.

Ele não era o seu Shiro.

 -------------------------------------------------

Notas Finais:

Olar, eu espero que vocês tenham sofrido e chorado rsrsrs. Eu escrevi essa one antes da s8 sair e guardei até agora porque meu sheith não merecia sofrer mais. Relendo antes de postar, eu gostei que o final poderia ser muito bem colocado pra s8. Eu confesso que gosto dessa one por ter deixado o final aberto. Então cabe a vocês, leitores, decidirem o que rola desse momento em diante. Sim, eles eram namorados antes e toda a equipe sabia, mas se – e quando – eles voltam juntos depende de vocês; por isso o título é “Ponto de Partida” hihi Beijos! <3

Jan. 3, 2019, 9:22 p.m. 0 Report Embed 119
The End

Meet the author

Vany-chan 734 Fada do Fluffy e maluca dos angst. Luto pelo fim dos leitores fantasmas, por SasuSaku e por ShiIta, meus OTPs! "KakaSaku - Uma Chance para Nós" não será repostada aqui até ter sido devidamente betada, assim como "O Caminho que Trilhamos".

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~