Possessa Reflexão Follow story

penduluns Penduluns

Foi engolido pelo próprio ego, alimentou a obsessão pela aparência e apagou-se para tornar-se o que achou que seria o mais atraente.



Fanfiction Bands/Singers Not for children under 13.

#taehyung #v #pensamentos #reflexão #kim-taehyung #reflexo #ego #narcisismo
Short tale
7
480 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Me venero

“Quem tem mais ego do que personalidade,

também tem mais imagem do que essência.”

— Diogo Vieira Protti

Acariciou o queixo e sorriu chegando perto do espelho que o refletia com a perfeição beirando a insanidade. Olhos presos no reflexo do vidro, era transcendental. Taehyung jurava enxergar estrelas no mar negro de suas íris. Tão bonito que deveria estar emoldurado nos céus, no escritório de Deus ou de qualquer um que o tivesse criado.

— Você é tão bonito — disse ao espelho, vendo o reflexo perder o sorriso posteriormente. — Maravilhoso.

— Você é feio — o reflexo respondeu. — Horroroso.

Taehyung riu e apoiou o antebraço na moldura, quase colando seu rosto ao dele. O reflexo tentou se afastar, mas acabou puxado pelo magnetismo daqueles olhos. Lá estava ele, mais uma vez, encarando aquele homem asqueroso. Não conseguia fugir. Sentia dor, muita dor.

— Por que você está triste? — perguntou Taehyung.

— Eu não sei — respondeu o reflexo suspirando cansado.

— Sorria! — Taehyung sorriu novamente. — Diga que me ama.

— Olhe para mim, desisti de mim mesmo. Nem mesmo você consegue me entender.

Taehyung revirou os olhos e colou a testa no vidro, franzindo as sobrancelhas e inclinando a cabeça, como se estivesse disposto a ouvir o que seu reflexo dizia. Somente parecia, porque ele não iria, mas queria que o outro pensasse que sim. Queria enganar, manipular. Taehyung era muito bom nisso.

— Você sempre diz que não te entendo, sempre diz que não me reconhece. Não estou diferente, eu sou você — sussurrou lambendo os lábios. — Sou você.

— Não, você não é. Sou o que você costumava ser. Quem sou eu, Taehyung? — O reflexo soluçou. — Eu não consigo me reconhecer.

— Eu te amo. E você me ama. — Soprou o espelho e viu a parte de sua boca tornar-se uma mancha branca molhada. — Não é possível não amar a si mesmo.

— É possível. — O reflexo afastou-se. — Você se amava, Taehyung. Só não sabia disso. E agora você se odeia.

Taehyung afastou-se atônito. Não era verdade, amava-se tanto que poderia morrer para proteger a própria aparência. Sim, Taehyung morreria por si mesmo. Claro que era uma ilustração, mas servia para exemplificar o tamanho do amor que sentia por si. Ultrapassava o amor de Jesus pelas ovelhas, ultrapassava até mesmo o amor de Deus pelo próprio filho. E ele adorava.

Mordeu o lábio debochado e olhou para cima pensativo.

— Eu me amo — disse ameaçador e aproximou-se do reflexo. — E você também vai me amar.

— Vou te amar se me tornar você?

— Mas é claro!

— Tudo bem, Taehyung. Você venceu — o reflexo disse sem expressão. — Te amo tanto que posso construir uma mentira bonita por você.

— Então construa! — vociferou. — Está esperando o que?

O reflexo o encarou sério, a tristeza virou outra coisa que Taehyung não conseguiu definir, mas não era como se importasse. Aquele reflexo, aquele homem atrás do vidro, não poderia afrontá-lo. Oras, era ele! Precisava amá-lo como se fosse a jóia mais preciosa do planeta, porque realmente era. Como seu reflexo não compreendia? Ou melhor, como não enxergava?

— Quem é você? — o vidro perguntou. — Quem é você de verdade?

— Sou Kim Taehyung, a pessoa que fala com você! Ande logo com isso, monte a minha mentira!

— Vou me apagar para me tornar outra pessoa. É o que quer?

— Sim! — gritou agarrando a moldura com as duas mãos e balançando o espelho. — Obedeça-me!

O reflexo piscou uma, duas, três vezes e sorriu. Taehyung o fez junto, era seu sorriso verdadeiro, o mais bonito do mundo. Acariciou o vidro com o polegar, sentindo vontade de beijá-lo, de tocá-lo. Era a coisa mais perfeita que já vira.

— Eu te amo — o espelho balançou os cabelos seduzindo-o. — Você é lindo.

— Eu sei. — Taehyung riu. — Você também é.

O homem — agora reconhecido por Taehyung como ele mesmo —, começou a brilhar num tom dourado, tornando-se uma forma gloriosa e contagiante. Apolo arregalou os olhos chegando perto, quase fundindo-se com o espelho somente para apreciar a mistura de brilho e ouro que estava o deixando desnorteado.

Magnífico!

— Venha comigo — a forma disse. — Beije-me com todo o seu amor.

O dourado tocou as molduras e seus dedos saíram para fora do vidro, tocaram os de Taehyung e escorregaram, usando-os para puxar-se até que sua cintura ficasse pendurada na madeira e seu peito quase tocasse o rosto do homem mais lindo do mundo. Percebendo isso, abaixou-se até estar com o nariz próximo do dele, a respiração serena entrando em contato com a agitada.

— Tão lindo — sussurrou. — É perfeito.

Ele beijou aquela forma, mergulhou nos lábios dourados e sentiu que iria explodir, seu corpo incendiou-se por completo e, por poucos segundos, ele conseguiu ver uma mescla de escuridão e luz tão intensa que o coração falhou e Taehyung pensou em afastar-se, mas não conseguiu.

Estava enfeitiçado.

As mãos quentes tocaram sua nuca e o puxaram para perto. Taehyung andou para frente de forma cega, apenas seguindo-a em devoção, confiando a própria existência nos dedos de quem mais amava.

Taehyung não sabia que amar a própria forma vazia era perigoso demais.

 foi enterrado no espelho, inerte e a única coisa que sentiu antes de mergulhar foi o gosto amargo e ao mesmo tempo inebriante daqueles lábios, perdendo-se entre o limite do seu antigo eu e o seu novo eu.

Foi engolido pelo próprio ego, alimentou a obsessão pela aparência e apagou-se para tornar-se o que achou que seria o mais atraente.

“Eu quero ser um bom homem

Só por você

Eu dei o mundo

Só por você

Eu mudei tudo

Só por você

Agora eu não me conheço

Quem é você?”

— Fake Love, BTS

Nov. 22, 2018, 1:16 a.m. 2 Report Embed 1
The End

Meet the author

Penduluns Escritora ainda em treinamento, faço do terror meu verdadeiro lar. Sou uma amante da noite.

Comment something

Post!
Maria Eduarda Maria Eduarda
Olha, realmente amei a história. É algo totalmente diferente do que eu pensei que seria ksksksksksks. Se tiver uma continuação, eu quero urgentemente kksksksksksksksks😘
Nov. 24, 2018, 10:45 a.m.

  • Penduluns Penduluns
    AAAAA MUITÍSSIMO OBRIGADA! Fico muito feliz que você tenha gostado. E ela não terá uma continuação, desculpe, é um capítulo único :( November 26, 2018. 12:05AM
~