Come Back Home Follow story

spearbaby 송 은아

Jongin só queria um pouco de atenção, e como seu namorado não estava em casa, ele decidiu receber a atenção do mesmo de um jeito um pouco diferente.


Fanfiction Bands/Singers For over 21 (adults) only.

#exo #dirty-talk #kim-jongin #kai #kim-minseok #xiumin #xiukai
3
4685 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Dirty Talk

Jongin e Minseok namoravam as mais de 4 anos. Depois do 1 ano de namoro, eles decidiram morar juntos, já que os dois estavam bem decididos da vida, e assim foi feito.

Jongin era jornalista e Minseok era escritor de livros. Eles tinham muitas coisas em comum devido aos trabalhos parecidos, que envolviam a escrita e o amor por ela.

Eles se amavam muito e nada atrapalhava os dois de terem seus momentos românticos, mesmo depois de tanto tempo juntos.

Bom, os momentos românticos não eram atrapalhados, mas em compensação, os mais sexys sempre tinham algum problema. Minseok viajava muito procurando a devia inspiração para suas obras e Jongin quase nunca podia ir junto, fazendo com que eles vivessem com saudades e querendo um ao outro a todo momento.

Naquele dia em especial, Jongin estava extremamente carente de carinhos e mimos, mas não os românticos, então decidiu mandar mensagem para seu namorado. “Pelo menos uma dirty talk tenho que ter”, pensou o mais novo.


Jongin: Minnie

To com saudades

Minseok: Eu também to meu amor.

Mas o que tá fazendo acordado tão tarde, hm?

Jongin: Eu tava pensando em ti

Em como queria que você tivesse aqui

Deitado nessa cama comigo

Minseok: Ah Nini, eu também queria ta ai contigo

Essa viagem ta acabando comigo

Só queria seus carinhos


Minseok também morria de saudades de seu namorado e não via a hora de voltar para casa, mas ele não imaginava quais eram as intenções de Jongin com aquela conversa. Ele pensava que era apenas mais uma conversa cheia de amor e muita melancolia. Bom, ele estava muito enganado.


Jongin: Eu queria seus carinhos também

Mas Minnie

Eu to tão necessitado de atenção

Precisava de outro tipo de carinho

Um um pouco mais violento, sabe?

E foi aí que Minseok entendeu as intenções de seu namorado. Ele queria uma dirty talk, e seria aquilo que ele receberia.

Minseok: Sei sim baby

Como você quer esse carinho, hm?

Jongin: Ah, eu queria que você beijasse meu corpo todinho

Marcasse minha pele que eu sei que gosta

Com vários chupões e mordidas

Minseok: Nini, eu amo tanto te marcar todinho


Minseok estava com muita saudade de seu namorado e não estava assustado em ficar excitado só de imaginar marcar a pele do mesmo, do jeito que amava fazer. A pele tão lisa e morena de Jongin ficava linda com vários chupões e marcas de mordidas, segundo Minseok, e aquilo o enlouquecia completamente.


Minseok: Meu amor

Me imagina ai, te marcando todinho e depois passando minha língua em seus mamilos

Dando mordidinhas como você gosta

Te dando todo o prazer que queria te dar agora

Jongin: Hyung, eu te quero tanto comigo agora

Queria que você me fodesse logo e acabasse com minha expectativa e saudade

Minseok: Mas assim ia te machucar bebê

Jongin: Você sabe que eu não me importo com isso

Afinal, quanto mais dor, melhor

Minseok: Porra Jongin

Não faz isso comigo

Você sabe que eu com certeza já estaria te fodendo contra a parede

Te fazendo gemer bem alto

Chamar meu nome e sempre pedir por mais

Jongin: Ah Nini, eu to tão excitado

Eu queria tanto que você estivesse dentro de mim

Minseok: Quando eu chegar em casa eu vou te foder com tanta força

Que você vai parar de sentir suas pernas quando tudo acabar

Jongin: Por favor hyung

Faz isso, eu imploro

Mas antes…

Minseok: Antes o que bebê?

Jongin: Fode minha boquinha?

Até eu engasgar

E lacrimejar de tão fundo que você vai

Minseok: Fodo, fodo com força

E não vou parar se você engasgar

Porque eu sei que você gosta e que você aguenta

E vou gozar bem na sua garganta

Jongin: Ah não, quero que goze no meu rosto

Quero seu líquido quentinho por todo o meu rosto e pescoço

Por favor hyung

Minseok: Vou fazer isso

Vou gozar na sua cara e fazer você limpar o resto que tiver no meu pau

E depois vou te foder como nunca antes

Jongin: Eu gosto tanto quando você fala assim hyung

Meu buraquinho fica piscando em expectativa

Olha


E então Jongin manda foto um gif de seu buraquinho piscando, levando o loiro que estava assistindo a loucura. Ele amava como seu namorado era necessitado e carente. Amava como ele ficava com apenas uma conversa.


Minseok: Espero que ele aguente quando eu chegar em casa

Ele vai ficar completamente vermelho

De tanto que vou foder ele

Bem forte e fundo

Vou te fazer gritar bebê

Jongin: Eu grito o que você quiser

Só acaba logo com esse tesão em mim

Me fode até não termos mais forças pra continuar

Até não termos mais esperma pra gozar

Até ficarmos jogados no chão juntos e nus

Minseok: Prometo que vou fazer isso

Enquanto isso

Vai se preparando

Se fode com seu brinquedinho amor

Sei que você pegou ele

Jongin: Você me conhece tão bem hyung


Jongin manda uma foto de seu “brinquedinho” perto de sua entrada. O vibrador rosa bebê era o que dava um contraste perto da cor de sua entrada, fazendo tudo aquilo ser lindo. Minseok só queria ser aquele bendito vibrador.


Minseok: Quando um vibrador tem mais sorte que eu…

Aigo quero te foder logo Jonginnie

Jongin: Volta pra casa mais cedo Seok

Eu deixo você fazer o que quiser comigo

Minseok: Eu não posso amor

Tenho que terminar esse livro logo

Jongin: Daddy

Por favor


Minseok tremeu quando leu aquela palavra. “Daddy”. Ele sempre pediu para que Jongin algum dia o chamasse daquele jeito, mas ele sempre teve vergonha. Porém agora que ele tinha que pegar pesado para ter o namorado em casa, ele acabou a usando e gostou do efeito que aquilo causou em Minseok, já que o mesmo respondeu-lhe no mesmo instante.


Minseok: To em casa amanhã de manhã

Você vai ter rola de café da manhã

Jongin: Gosto assim

Minseok: Mas bebê, enquanto não to em casa

Acaba com um pouquinho desse tesão todo

Sei que você quer

Quica nesse vibrador do mesmo jeito que você iria quicar em mim


Jongin demorou um pouco para responder o escritor, mas assim que Minseok viu o porque, não se importou muito. O namorado havia mandado um vídeo fazendo exatamente o que ele pediu. Jongin quicava naquele vibrador com tanto gosto que fez o membro de Minseok latejar, pedindo por atenção, que logo foi dada. O que acabou de vez com o loiro, foi o gemido. O jornalista tinha um gemido extremamente sexy por natureza, e ainda gemia o nome de seu namorado apenas para o provocar mais ainda. No final, ele gemeu “daddy” uma única vez, e foi essa a deixa de Minseok, que estava se masturbando, para sujar a cama do hotel que estava hospedado.


Jongin: Assim daddy?

Minseok: Você me fez sujar a cama do hotel

Quando eu chegar em casa

Vou te punir por isso

Te dar pelos tapas

Jongin: Mas amor, se eu gosto

Como vai ser uma punição?

Minseok: Eu vou bater bem forte

Até você pedir que eu pare

De tanto que sua bunda vai ficar ardendo

Lembra quando fiz isso?

Jongin: Aaaah se lembro…

Sempre quis que você fizesse mais vezes

Mas nunca fez

Minseok: Agora vou fazer

Prepara a raba

Vai ficar uma semana sem sentar direito por causa dos tapas

Jongin: Porra hyung

Gozei só de imaginar sua mão tão linda me batendo

Ai eu preciso de você dentro de mim

Dos seus tapas

Dos puxões de cabelo

Das mordidas

Preciso do meu daddy em casa


E Jongin realmente tinha chegado ao seu ápice, sujando a cama do quarto do casal. Ele nem conseguia pensar no trabalho que daria para limpar aquilo, só sabia pensar em Minseok e mais nada.


Minseok: Me chama de daddy de novo e eu juro que te faço me chamar assim amanhã

Jongin: Não vai precisar me fazer te chamar assim

Gostei do novo “apelido”

Minseok: Caralho Jongin!


Bom, a história acaba aí. Minseok morre do coração e fim de história. Tá, ok, é mentira. Mas ele realmente não soube como reagir àquela mensagem, apenas soltou um gemido alto pensando em como seria lindo Jongin o chamando daquele jeito. Eles já praticavam daddykink, Minseok até mesmo chamava seu namorado de “baby”, mas Jongin ainda não tinha superado a vergonha de falar “daddy”.


Jongin: Amor, to tão cansado

Minseok: Mas já bebê?

Se for assim, amanhã não vai aguentar nada

Jongin: Exatamente pra isso que quero descansar

Pra conseguir ter forças pra te aguentar amanhã

Minseok: Então vá dormir

Agora que já te fiz gozar você pode ir

Jongin: Cara de pau!

Boa noite amor

Sonhe comigo

Te amo

Minseok: Boa noite bebê

Sonhe comigo também

Também te amo

Muito, inclusive


Então, os dois foram arrumar suas camas para dormir. Eles só queriam estar junto naquele momento para poderem deitar junto e dormir abraçadinhos, mas infelizmente Minseok estava em viagem.

Porém isso acabará logo, e enfim eles poderam se aproveitar como nunca antes.

July 21, 2018, 8:17 p.m. 0 Report Embed 1
Read next chapter Baby, i'm home

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~

Are you enjoying the reading?

Hey! There are still 1 chapters left on this story.
To continue reading, please sign up or log in. For free!