Pelos olhos de Kyungsoo Follow story

baek baobao

Quando duas almas se unem por um só olhar E as emoções se exaltam em um só pulsar.


Fanfiction Bands/Singers All public.

#exo #kaisoo #kai #jongin #kyungsoo #d-o-
Short tale
6
5113 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Entardecer

      O entardecer ganhou um novo significado a partir daquele dia. Ouvir a descrição exata acompanhada com o timbre de voz rouca e ao mesmo tempo aveludado fez aquele momento se tornar especial. Kyungsoo sempre soube relatar tudo ao seu redor de forma magnífica. Eu não sabia se era devido à sua paixão pela natureza, ou se era porque ele queria que eu pudesse imaginar cada pedacinho daquilo que estava sendo descrito.

       Ele não sabia, mas eu imaginava tudo o que ele me dizia com bastante precisão. E, principalmente, eu imaginava cada detalhe daquele seu jeitinho, sempre doce, tímido, carismático, gentil, perfeccionista, preguiçoso e outras infinitas qualidades que eu poderia ficar descrevendo eternamente.

       Kyungsoo, pelo menos à cada dois minutos, se preocupava em detalhar tudo o que via. De esquina a esquina ele narrava com emoção o que seus olhos enxergavam. Ele não se importava, tanto que uma vez ele fez questão de enfatizar que o que fazia por mim não era uma obrigação. Era tudo por amor. Mesmo que ele não percebesse, descrever o que estava acontecendo em nossa volta era prazeroso para ele, tanto quanto ele imaginava ser para mim ao ouvir seus relatos. Soo não estava errado, escutar sua voz me acalmava e fazia com que eu me sentisse infiltrado no meio do cotidiano das pessoas e não me fazia ficar isolado do mundo. No fim ele só queria que eu me sentisse confortável.

      E foi exatamente o que Kyungsoo fez com aquele relato de fim de tarde. Uma perfeita descrição de como o pôr do sol era um evento da natureza inexplicável, e que eu não podia ficar sem vivenciar a mesma emoção que ele sentia ao apreciar o entardecer. Ele dizia que o “pôr do sol era como se o céu derramasse sobre o mundo um cesto de borboletas de ouro, gemas de ovo e vidros ardentes ou flamejantes.”1

       Pelo leve toque de nossas mãos entrelaçadas, próximo ao seu corpo, era possível perceber o suave movimento de seu peito quando ele inspirava. “Jongin, nesse momento o sol que toca nossas peles não chega a arder, mas a sensação é de que incendiasse nossas almas de energias boas.” “São instantes como esse que renovam meu dia.” Com esta última frase eu posso ter quase certeza de que Soo expressou um leve sorriso ao seu horizonte.

     “Instantes do entardecer?” perguntei sentindo o calor do sol penetrando na minha pele.

      “Instantes em como os raios de sol em contraste com a sua pele, Jongin, renovam o meu dia e renovam os meus olhos.” Sorri de imediato. Soo, constantemente sabia como me deixar encabulado. “Os raios de sol estão cobrindo todo o seu corpo, são pequenos feixes de luz iluminando cada centímetro de sua delicada pele”. Com a outra mão Soo passou seus dedos suavemente sobre meu braço, fazendo com que meus pelos eriçassem com o toque. “Sua pele esta levemente bronzeada, contrastando com seus cabelos iluminados com a luz solar”. Sua mão vagamente subiu até estar próximo à minha nuca e seus dedos passaram a brincar com alguns fios de meu cabelo. “Em minha opinião, o entardecer é a melhor paisagem depois de você.”

      Não restavam dúvidas, seus olhos eram perfeitos para minha visão sobre o mundo. Tudo se tornava inexplicável pelos olhos de Kyungsoo.

June 28, 2018, 9:15 p.m. 0 Report Embed 2
The End

Meet the author

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~

Related stories