Negação Follow story

sonne Sonne

Noctis não estava apaixonado. Não, negativo, 100% de certeza de que aquele sentimento insistente não era amor. Ele só precisava convencer seus amigos (e à si mesmo) de que isso era verdade. Promptis | Livre


Fanfiction Games All public.

#noctis-is-in-love-and-he-can't-deny #fluffy #final-fantasy-xv #ffxv #prompto-argentum #noctis-lucis-caelum #promptis
Short tale
14
5218 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Único.

Eu deveria estar trabalhando em outras coisas mas uma certa @ plantou um plot na minha cabeça e as coisas saíram de controle e eu precisei escrever, mesmo não sentindo firmeza nos personagens que aqui estão escritos. É uma história bem curtinha e boba, só tem fluffy e o Noctis passando vergonha, mas eu espero muito muito que seja do agrado de quem for ler. Como sempre, críticas construtivas são ultra bem-vindas. 

A música utilizada é original do VA do Noctis que canta sobre como ele ama o Prompto mas finge que não e foi completamente impossível não querer fazer algo com ela. Na história, ela está em inglês, mas eu coloquei a tradução no final. 

A imagem da capa é de autoria da loonytwin.

Dedico 100% à Chris (@kixnara) por ser o capeta QUE ME FEZ QUERER ESSE PLOT E ESCREVER ESSES DOIS, toma fluffy, toma Promptis, toma gays. É isto.


_____________________________


Noctis tinha algumas poucas certezas na vida: Legumes eram péssimos e desnecessários, acampar ao invés de dormir em um hotel era um saco e ele não estava apaixonado pelo seu melhor amigo. Ele tinha certeza absoluta de que não, não era amor romântico ou algo do tipo, ele não queria segurar Prompto em seus braços durante noites frias ou afundar o nariz no cabelo loiro, que parecia tão macio, ou então tocar o rosto sardento que carregava um sorriso tão brilhate que fazia o sol se esconder de vergonha... Não, ele não queria. E tinha certeza disso.

E era isso que ele repetia para si mesmo todas as noites. Eu não estou apaixonado. Eu vou me casar. Ele é meu melhor amigo. E tudo parecia (só parecia, obviamente) desmoronar quando o amigo o encarava no meio de uma batalha com um sorriso carregado de adrenalina e gritava seu nome para que pudessem fazer um ataque em conjunto, mas então ele se reerguia, repetindo e enumerando em sua mente todos os motivos que provavam que não estava apaixonado pelo loiro.

Mas às vezes seu coração e sua boca pareciam o trair. Vezes onde Prompto o encarava de perto com os olhos azuis refletindo o calor da fogueira, mostrando as várias fotos que tinha tirado durante o dia, susurrando como se as piadas que fazia dos outros dois companheiros de viagem fosse um segredo entre os dois. Nessas noites, Noctis se repreendia por passar mais tempo encarando a curva do maxilar forte do amigo e não a tela da câmera que lhe era mostrada. Ele mordia o lábio inferior com força, tentando evitar que quaisquer palavras indesejadas escapassem. Afinal, ele não estava apaixonado, então não tinha porquê deixar com que sua boca vomitasse essas três palavrinhas infelizes.

- Você quer conversar sobre... O Prompto?

A pergunta de Ignis o pegou de surpresa, e o moreno engasgou no copo de água que tinha em mãos. Estavam apenas os dois sentados ao redor da fogueira, ainda apagada. Prompto havia ido procurar algo para adicionar ao jantar e Gladius terminava de montar a barraca, longe o suficiente para não ouvir a conversa que se passava ali. Noctis encarou o outro com os olhos azuis arregalados, balbuciando e balançando a mão livre freneticamente, sem nem mesmo conseguir formar alguma palavra coerente. E se a queimação que sentia nas bochechas era por rubor, bem, droga...

- Calma, Noct, sem julgamentos aqui. – Ele esclareceu, tendo ao menos a decência de parecer constrangido enquanto fingia limpar os óculos com um lenço. – Você parece meio perdido quando encara ele, então eu pensei...

- Pensou errado. – Cortou, balançando a cabeça. – Eu não estou apaixonado por ele.

- Eu não disse isso.

Um silêncio desconfortável pairou por alguns segundos. Noctis chegou a abrir a boca para responder, se explicar, dizer qualquer coisa que fosse fazer Ignis aceitar que aquilo não era verdade- mesmo que fosse difícil. Ignis era inteligente demais, observador demais para seu gosto – quando foram surpreendidos pela voz alegre de Prompto, que andava na direção de ambos com algumas ervas na mão.

Houve um breve momento onde Ignis o encarou com um olhar carregado de certeza, e o príncipe sentiu o sangue gelar. Tudo que ele menos precisava era ter que convencer duas pessoas que não estava apaixonado.

Para seu alívio, porém, as coisas pareceram correr normalmente daquele ponto, como se a conversa nunca houvesse acontecido. Se Noctis sentia o olhar de Ignis queimando em sua nunca, bem, ele só ignorava. Se seu coração parecia três vezes mais pesado quando Prompto chegava perto, bem, isso ele não conseguia ignorar.

Eu não estou apaixonado. Eu não amo ele desse jeito. Eu não vou conseguir dormir se eu não fizer ele acreditar nisso.

Noctis se orgulhava de ser um jovem inteligente. Preguiçoso, sim, mas era inteligente. Então, obviamente, ele tinha uma solução para tudo aquilo. Com todos os amigos sentados ao redor da fogueira, jogando conversa fora antes de dormir, ele teve uma idéia brilhante que faria com que não só Ignis, como também seu cérebro traidor, aceitassem de uma vez por todas que a idéia dele estar apaixonado era absurda. E errada.

Tossiu na mão alto, proposital, e quando percebeu os três pares de olhos em si, deu um sorriso sem graça de lado.

- Eu fiz uma música ‘pro meu grande amigo Prompto. – Soltou de uma vez, começando a batucar em sem ritmo algum no braço da cadeira em que estava sentado enquanto encarava o próprio colo (era bem mais fácil do que ter que prestar atenção nos pares de olhos curiosos em sua direção) – E eu gostaria de cantar pra todos vocês.

Respirou fundo. E, com a voz baixa, começou a cantar.

Best friend
And you've got blonde hair
And I'm not... in love with you... At all
You're my best friend
And that's all it ever was
Nothing more than that
So... let's play some King's Knight!*

Suas mãos tremiam de nervoso, e ele continuou encarando o jeans puído que usava, sem nem levantar a cabeça. O coração, maldito órgão traidor, parecia que ia sair pela boca. Mas havia conseguido, certo? Tinha colocado pra fora e explicado que Prompto era só seu melhor amigo e nada além disso, então não tinha que ter mais preocupações. Mas a falta de resposta o deixava ansioso, e franziu as sobrancelhas antes de levantar o olhar para encarar os outros três.

Gladiolus tinha o rosto todo vermelho enquanto tentava segurar o riso, o peito praticamente tremendo com os espasmos involuntários. Ignis tinha uma mão cobrindo o rosto enquanto balançava a cabeça, envergonhado pela perfromance desesperada de Noctis. E Prompto... Este o encarava com os olhos arregalados e o rosto totalmente vermelho. E ele não sabia o que isso queria dizer.

- Você... – Um riso nasalado, e Gladius bateu na própria coxa enquanto ria. – Você fez um bom trabalho tentando se convencer aí, amigão. Nada suspeito. – E ele começou a rir alto, o barulho se misturando com as batidas descompassadas do coração do moreno em seu ouvido.

Okay, talvez não tivesse sido uma idéia tão boa assim. Noctis balançou a cabeça e grunhiu, amaldiçoando o seu eu de alguns minutos atrás, e se levantou depressa para sair de perto de todo mundo. Ouviu Ignis o chamar, Gladius ainda rindo, e não teve coragem de parar. Os passos curtos se tornaram uma corrida sem rumo, e foi só quando ele chegou à beirada de um lago que percebeu que estava sendo seguido.

Com a certeza de que provavelmente era alguém pra tirar ainda mais com sua cara, ele deu meia volta irritado.

- O que você quer? – Soltou ríspido, cruzando os braços em frente ao peito.

Não esperava, porém, que fosse Prompto a o seguir. Ele mantinha uma pose meio incerta, uma mão coçando os fios loiros na nuca, parado há alguns metros de onde estava. O arrependimento por ter gritado foi imediato.

- Ei, cara, relaxa, eu só... Foi uma música legal. De verdade. Eu ‘tô até lisongeado de você ter feito algo assim pra mim.

Prompto realmente tinha o coração mais puro que Noctis já tinha visto em alguém em toda sua vida. Era menos vergonhoso agora que estavam só os dois, e ele não sentiu a necessidade de se explicar ou qualquer coisa do tipo. Eles eram melhores amigos, certo? O loiro o entendia como ninguém mais, e isso o trazia um certo alívio. Concordou com a cabeça, ainda se sentindo meio receoso, e o assistiu se aproximar.

- Foi uma idéia meio idiota. – Deu de ombros. – Acho que eu faria uma música melhor se tivesse pensado por mais que três segundos.

A risada que seguiu não era zombeteira, e Noctis sentiu o peito se enxer daquela emoção estranha que sempre estava presente quando Prompto estava perto demais. Oh. Perto demais. Ele viu que apenas alguns centímetros os separavam, e que Prompto o encarava com os olhos azuis brilhantes e um sorriso tão bonito que devia fazer a lua querer se esconder de vergonha e-

- Eu também sou apaixonado por você. - ... Oh. Não, ele havia entendido errado, não era aquilo! – Só que eu achava que você ia rir da minha cara se eu dissesse algo do tipo. Eu me convenci que todos os sinais eram só na minha cabeça, interpretando errado tudo que você fazia. Afinal, você tem uma noiva que é tipo, super bonita, e eu sou só... – Um suspiro. – Isso aqui.

Ele estava dividido. Uma parte de si, a maior, gritava para negar tudo aquilo. Para dizer que Prompto havia, sim, o interpretado errado e que não era nada além de amizade. Mas a outra parte, a que ficou presa nas palavras depreciativas do outro, pareciam escapar de sua garganta sem sua permissão.

- Você não é isso! E eu não escolhi me casar, você sabe disso, é só que... Droga!

Era confusa demais a volta que a situação tinha dado. Ele só queria esmagar todos aqueles sentimentos que pareciam escapar e continuar em negação por mais algum tempo. Talvez alguns anos, talvez até que morresse.

Mas Prompto, ah, ele não parecia querer deixar que isso acontecesse (mesmo que não fizesse idéia do conflito interno de Noctis). Ele passou por todas as barreiras imaginárias que haviam entre eles e colou os lábios nos finos à sua frente em um beijo tão... tão carregado de toda aquela sensação calorosa que ele transmitia o tempo todo, que o príncipe sentiu as pernas tremerem. O tempo parecia parado e o mundo se movendo rápido demais ao seu redor, e quando ele finalmente se afastou, um suspiro patético escapou pela boca do príncipe.

E ele podia, se quisesse, abrir a boca e repetir toda a negação que sabia de cor e salteado, gravada em seu cérebro como um mantra. Ele podia. E uma pequena parte de si ainda gritava ‘Eu não estou apaixonado’. Mas tudo isso parecia pequeno demais diante do sorriso de Prompto, do corpo dele grudado ao seu em um abraço sem jeito, da força com que seu coração batia no peito sem ritmo e ao mesmo tempo feliz como não se sentia nos últimos tempos.

Porque ele sabia que quando tinha o loiro por perto, ele não era capaz de se convencer disso. E talvez, só talvez, ele podia fingir que não havia complicação nenhuma no sentimento correspondido. Com certeza seria mais fácil do que tentar convencer à si mesmo de que ele não estava completa e irremediavelmente apaixonado pelo seu melhor amigo.

- Então... Vamos voltar pro acampamento e jogar um pouco de King’s Knight?


_____________________________________________


*Tradução da música:

Melhor amigo
E você tem o cabelo loiro
E eu não estou apaixonado por você... de jeito nenhum
Você é meu melhor amigo
E isso é tudo o que sempre foi
Nada mais do que isso
Então... vamos jogar um pouco de King's Knight

June 16, 2018, 7:25 a.m. 9 Report Embed 6
The End

Meet the author

Sonne Oi, eu sou a Catherine, mas podem me chamar de KT. Projeto de escritora em andamento com alguns trabalhos à serem postados aqui. Hit me up with SasuNaruSasu, McHanzo 'n Promptis.

Comment something

Post!
Larissa Ferraz Larissa Ferraz
Não sei muito bem com usar o site, mas seja o que os deuses quiserem: AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA Eu nem sabia que eu precisava de um fluffly maravilhoso desses para curar a fossa que eu tô desde que terminei a campanha principal do game. Muito obrigada por essa preciosidade, esses meninos lindos cheios de amor ♥ Noctis passando vergonha é minha nova religião ♪
June 17, 2018, 7:14 p.m.

  • Sonne Sonne
    O site é meio complicadinho mas com o tempo a gente vai pegando as manhas UHAUHEUASHE Aaaaa nossa, SIM. Terminar a campanha principal do jogo foi tão pesado e tão triste que ainda hoje eu tenho sequelas (tá feliz final fantasy?). Inclusive foi terminar a campanha que me fez pensar e pensar em como fazer pra tudo ficar menos dolorido e aí veio ideia de escrever fanfic dos dois (pq eles se amam e são namoradinhos sim) e agora tô finalmente colocando em prática. MAS FICO FELIZ QUE TENHA GOSTADO. <3 June 18, 2018, 5:26 p.m.
Liiz Lestrange Liiz Lestrange
Meu Deus, tomara que eu exploda de AMOR ughhhhhhhhhhhh Eu não sei lidar com fluffy, eu quero chorar e abraçar eles
June 16, 2018, 8:43 p.m.

  • Sonne Sonne
    Eu não sei lidar com fluffy então ou eu coloco 0 fofuras ou eu vomito amor na fanfic inteira JDKAMSNUEAJSE felizmente noctis nasceu pra amar prompto então tá tudo certo........... June 18, 2018, 5:26 p.m.
Chris Nara Chris Nara
primeiramente: LAMBE MEU CY CHEIO DE DEDICATÓRIA MUITO OBRIGADA PELOS MIMOS KT Socorro eu to muito devastada jogada no chão, ficou tão mas tão perfeito eu só quero que alguém me dê UM SOCO eu não aguento de amor por esses dois Você disse que não tinha segurança nos personagens.... imagina se tivesse Isso não é nem fanfic pq aconteceu no canon mesmo e nada além da minha opinião importa eu ri MUITO ALTO na parte do Noct cantando na fogueira e o Gladius e Ignis rindo AJSKDJJAIDJKSHDU NOCT MEU AMOR NINGUÉM ACREDITA MAIS NESSA NEM VOCÊ ACREDITA E eu preciso dizer de novo como eu amo sua escrita ♥ Você consegue passar muito bem o sentimento da coisa toda eu fiquei soft, eu ri, fiquei com vergonha, prendi a respiração quando o Prompto foi atrás do Noct e eu morri com o resto.... Prompto eu te amo obrigada por entender o real significado da musica pq né se você não esta apaixonado pelo seu melhor amigo se você não tem duvidas de como se sente não precisaria fazer uma musica falando que não está apaixonado EU TE PEGUEI NO PULO NOCTIS Obrigada por isso eu tava precisando de algo pra aquecer o coração depois de ontem ♥ ..... e me espere pra te jogar mais plots e te fazer escrever
June 16, 2018, 9:22 a.m.

  • Chris Nara Chris Nara
    meu deus pq aqui nao vai os espaços ficou tudo embolado June 16, 2018, 9:24 a.m.
  • Sonne Sonne
    O inks as vezes come umas coisa nos comentário eh normal...... Eu realmente tava super insegura pq foi a primeira vez que eu saí dessa zona de conforto pra escrever outros personagens mas acabou sendo até que não tão difícil? Digo, não uau fácil, mas eu consegui, aí fiquei bem feliz JDIKASUIEAHEHE mas realmente aconteceu, eu tava lá, Noctis e Prompto namoram e ninguém pode dizer o contrário. O Noct tentando negar o crush é tipo a gente fingindo que nao liga pros multiship é só risadinha e "EUUU APAIXONADO? VC ESTÁ LOUCO" enquanto na testa a faixa "100% PROMPTO" e acho que esse crush dos dois fez mais fácil de desenvolver.................. MAS EU TENHO É QUE TE AGRADECER POR ESPERAR AS 4H DA MANHÃ POR ESSA FANFIC E POR ME INCENTIVAR pq eu realmente fiquei feliz de ter escrito algo desses dois desgraçados........... Espero que mais coisas venham por aí........ É isto.......... June 18, 2018, 5:23 p.m.
Nactis Aoneko Nactis Aoneko
June 16, 2018, 8:26 a.m.

~