O REINO DOS DIANKS Follow story

haruy68 Harumi

Sayuri Ikeda,Dianks,em busca de encontrar o amor de sua vida.


Romance Contemporary Not for children under 13. © Direitos autorais de Karen Vasconcelos

#ação #fantasia #amor #aventura #Asabuya #shoujo
2
7.2k VIEWS
In progress - New chapter Every Monday
reading time
AA Share

MAIS UM DIA NORMAL...

Japão:

-Tokyo-

-Cidade de Shibuya.

Casa dos Hazegawa

10:00 A.M.

Estava arrumando a bolsa,quando decidi falar com minha mãe adotiva no escritório,chego là,eu tenho toda a atenção dela para mim e falo:

-Mãe,eu sei que não somos filhos de sangue de vocês,que fomos deixados na porta dessa casa e que nos adotaram,evitando nossa ida ao orfanato.

-Como você sabe disso,quem lhe contou,Mizu?

Foi o que minha mãe adotiva falou com a voz triste ao perceber,que descobri sobre quem eu sou de verdade.

Algo que foi muito ruim de saber investigando por meio de muita pesquisa nas bibliotecas privadas e nas seções antigas de misticimo que quase ninguém vai.

Mas,isso eu não contarei a ela,me desculpe,não me apresentei,me chamo Mizuki Hazegawa Shimizu,tenho 16 anos,mas,na verdade sou uma princesa Dianks(uma criatura alada com rabo de sereia),de nome Sayuri Ikeda,filha de reis do reino de Akalosy.

Um lugar escuro e florido,dentro das profundezas abissais do mar de Nekuyo,não neste mundo,mas,um mundo ligado por meio de um buraco no oceano Shishido.

Porém,há uma restrição,poucos humanos foram là e conseguiram sair vivos,apenas pela ordem do rei,meu odioso pai,um ser horrendo e cruel com todos.

Eu sei que nada faz sentido,desde que a verdade veio a tona,mas,até meus irmãos tentam manter a frieza de sempre,uma marca registrada entre nossa familía.

É claro que recebemos sinais de que o nosso mundo está tentando se apossar do mundo dos humanos,isso não é bom,tendo em visto que Kizashima Junpei mora perto de nós.

Ele é o noivo arranjado da minha irmã e anda nada satisfeito com o nosso mundo,grande surpresa vinda de uma criatura como ele.

Sendo meu ex noivo e príncipe do reino dos mares de killauma's ,teríamos algo em comum,fugi por que senti que a pessoa que amava nunca seria ele.

A história que me contaram foi algo natural a quem não é humano,escutar duas criaturas duelando através de palavras na minha cabeça.

Sua quase extinção se deve ao meu povo,brigas por magia e ocultismo,sendo eu uma criatura do reino de Androminida,no reino no profundo mar de Attalori.

Sua quase extinção se deve ao meu povo,brigas por magia e ocultismo,se deve há milênios atrás.endo eu uma criatura do reino de Androminida,no reino no profundo mar de Attalori.

Meu destino foi traçado assim que fui punida e mandada para cá,acho que foi até um prêmio,não quero voltar minha verdadeira casa.

Mas eu finjo que sou uma adolescente normal,que escuta vozes na cabeça,passando por embaraços que todo jovem passa.

Minha mãe vem por trás de mim,enquanto me olho no espelho,sorrio com extâse pensando,nada mal.

Meu corpo é perfeito,nenhum arranhão se quer,com um sorriso sereno,ela faz uma trança costumeira em mim e fala me entregando minha escova:

-Falei com seu Pai,aprovamos sua ida ao concerto de Jin Takayama.
-Sério?

-Sim,minha filha.
-De verdade?

-Claro,por que não?

Começo a gritar de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.

-Claro,por que nãonão? Começo a gritar de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.

-Claro,por que não? Começo a gritar de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.e felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.

Começo a gritar de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale. Começo a gritar de felicidade,meu eco aumenta dez vezes mais que o normal,minha mãe sorri para mim e depois pede que me cale.

Os vizinhos começam a reclamar dos meus gritos,já que as janelas de toda a vizinhança estão quebradas.

Chego na varanda do meu quarto e peço desculpas a todos eles,dando um sorriso de envergonhada.

Pego meu casaco,coloco na bolsa e me despeço de todos da casa,desço as escadas e sigo para botar os meus tênis.

Retribuo um até logo para minha familía e sigo caminhando para a escola,paro numa lanchonete e pego um sanduíche para comer e sigo meu caminho.

Meu celular toca e atendo,é o Diretor da Escola Lum High,Kairo Turner,que me conta as novidades de hoje,logo mais,na sala do diretor.

Depois que desligo,jogo o lixo na lixeira e sigo para a minha escola.

+

Feb. 27, 2018, midnight 8 Report Embed 2
Read next chapter MINHA FAMILÍA

Comment something

Post!
Karimy Lubarino Karimy Lubarino
Olá! Escrevo-lhe por causa do Sistema de Verificação do Inkspired. Caso ainda não conheça, o Sistema de Verificação existe para verificar o cumprimento das Regras comunitárias e ajudar os leitores a encontrarem boas histórias no quesito ortografia e gramática; verificar sua história significa colocá-la entre as melhores com relação a isso. A verificação não é necessária caso não tenha interesse em obtê-la, então, se você não quiser verificar sua história, pode ignorar esta mensagem. E se tiver interesse em verificar outra história sua, pode contratar o serviço através de Serviços de Autopublicação. Sua história foi colocada "Em revisão" pelos seguintes apontamentos retirados dela: 1)Pontuação: "ao perceber, que" em vez de "ao perceber que"; "Mas isso eu não contarei" em vez de "Mas isso eu não contarei"; "mas, um mundo" em vez de "mas um mundo". Falta de espaço após pontuação. Frases quebradas por parágrafos. 2)Acentuação: "là" em vez de "lá". 3)Outros: "tendo em visto" em vez de "tendo em vista". Frases repetidas. Uso de dois tempos verbais na narração, como "pego" - no presente - e "dou" - no pretérito. É importante escolher apenas um tempo verbal para a narração. Observação: os apontamentos acima são apenas exemplos retirados de sua obra, há mais o que ser revisado. Aconselho que procure um beta reader; é sempre bom ter alguém para ler nosso trabalho e apontar o que acertamos e o que podemos melhorar, e os betas do Inkspired, quando contratados, fazem uma análise detalhada da sua história e a enviam através de um comentário. Caso se interesse, esse recurso também é disponibilizado pelo Inkspired através do Serviços de Autopublicação. Além disso, também temos o blog Tecendo Histórias, que dá dicas sobre construção narrativa e poética, e o blog Esquadrão da Revisão, que dá dicas de português. Confira! Bom... Basta responder esta mensagem quando tiver revisado a história, então farei uma nova verificação.
3 weeks ago

  • Harumi Harumi
    Olá,boa tarde,eu estava querendo realmente que me ajudassem nessa questão, faz tempo que junto pontos e não consigo um beta reader pra me ajudar ou alguem pra me dizer como mudar alguns pontos nela. Obrigada por vir aqui ^^ 3 weeks ago
  • Harumi Harumi
    Preciso mesmo de ajuda,não só nela,mas,em todas as histórias,por favor? Muito obrigada^^ 3 weeks ago
  • Karimy Lubarino Karimy Lubarino
    Trocar seus pontos é bem simples. Basta você ir em Serviços de autopublicação e escolher a opção de Beta reader. Depois você escolhe qual história e capítulo quer que seja betado. É importante ter em mente que os capítulos não podem ter mais de 5 mil palavras. Após isso, você só precisará confirmar a troca das suas moedas e aguardar o feedback. Caso ainda reste dúvidas, pode perguntar respondendo aqui. Espero ter ajudado. 3 weeks ago
  • Harumi Harumi
    Tenho 45 pontos,ainda falta muito pra conseguir o beta reader,O Reino dos Dianks é minha cereja do bolo^^ 3 weeks ago
Roberta Del Carlo Roberta Del Carlo
Muito bom!
December 16, 2018, 15:54

  • Harumi Harumi
    Estou de volta,Beta,vou continuar a história 😃 December 02, 2019, 14:14
  • Harumi Harumi
    Obrigada pelo feedback,você é uma amigona mesmo,Beta^^ December 02, 2019, 14:15
~

Are you enjoying the reading?

Hey! There are still 19 chapters left on this story.
To continue reading, please sign up or log in. For free!