Até o fim com você. ABO Follow story

coalacchan Mandy Assis

Naruto e Sasuke viveram juntos por muito tempo até que finalmente estão vivendo belíssimos 4 anos casados com um filho, porém, tudo piorou quando Sasuke diz que deseja ter outro filho.


Fanfiction Anime/Manga For over 18 only. © Esse historia é de minha total autoria, exceto os personagens que são do anime Naruto

#sasunaru #angst #easy #yaoi
Short tale
26
7.7k VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Unico

Isso aqui é só um rápido oneshot com uma história breve e simples sem muito detalhe, espero que gostem (♥w♥)


♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥


— Eu quero um filho. — Sasuke falou encarando Naruto que estava sentado no sofá com uma expressão indescritível.


— Como assim MAIS um filho? Sasuke já temos o Boruto. — O loiro se levantou e encarou o outro que jogou o alfa no sofá e sentou nas pernas dele.


— Não sei porque está assim até porque, eu sei muito bem que quando é na hora de fazer você não sente incômodo nenhum. — falou em um tom rouco e sexy enquanto levantava a camisa do marido, alisando o abdômen sarado. — Quem sabe eu tenha uma surpresinha dessa vez. — Sussurrou no pé do ouvido do alfa.


— Talvez mais um não seja tão ruim, vamos fazer um amiguinho para o Boruto. — Comentou se levantando com o ômega manhoso nos seus braços indo em direção ao quarto.


Naruto colocou o moreno na cama com todo cuidado e carinho que podia dar. Os dois se despiam de maneira selvagem até estarem sem nenhuma peça de roupa. Com o tempo o cheiro de ambos se espalhava pelo quarto todo, os gemidos de Sasuke ficavam cada vez mais altos assim como os de Naruto que estocava o ômega bem forte até que sentiu que já estava perto do organismo, abraçou seu marido gozando dentro dele com vontade, então o nó se formou mantendo os dois unidos.


(...)


9 meses depois.


Naruto andava de um lado pro outro da sala de espera do Hospital com um garotinho de 2 anos de idade nos braços. O loiro olhou para o mais novo que deu um sorriso igualzinho ao do pai.


— Pa...papai... — Tentou falar mais coisas, porém era na tão famosa língua de bebês.

Naruto deu um leve sorriso, definitivamente era apaixonado pelo filho. O alfa perdeu os pais quando ainda era um bebê então prometeu para si mesmo que seria o melhor pai do mundo e daria tudo que não recebeu quando mais novo. Estava ansioso por saber que teria mais um filho, de certa forma enchia seu coração de alegria.


Tudo estava tão perfeito para Naruto, ele é casado com o ômega mais lindo do mundo, tem um filho, que é um anjo, e logo terá mais um, nada poderia estragar esse momento.


— Senhor Uzumaki. — uma voz doce e baixa chamou-o atenção que logo em seguida olhou para a portadora da voz. — siga-me. — falou e foi em direção a um quarto.


Naruto entrou no local, com o filho no colo, e lá estava Sasuke, deitado com uma criancinha, chorona, nos braços.


— Amor, é um garotinho. — Falou com a voz baixa demais e trêmula, estava muito exausto. — Nosso bebê é um menininho assim com meu loirinho. — Comentou ofegante alisando as madeixas de Boruto.


Naruto colocou Boruto sentado na maca e aproveitou a oportunidade para dar um selinho nos lábios do marido em seguida pegou, em seus braços, o novo membro da família. Alisou as bochechas gordinhas e recebeu em troca uma risadinha fofa e dengosa com direito a um sorriso sem dentes.


— Ele é lindo, assim como você, e tem seus olhos. — Comentou sorrindo bobo para o bebê, contudo, logo se desfez quando sentiu sua camisa ser puxada e, ao mirar para o marido, teve a visão dele exausto.


— Naruto, cuide bem dos meus meninos. — Sorriu triste. — Eu te amo, obrigado por ser meu alfa e por me dar o prazer de ser pai duas vezes. Obrigado por está ao meu lado nos momentos bons e ruins, por me amar e cuidar de mim, obrigado por tudo até agora. — Alisou o rostinho de Boruto e lentamente fechou os olhos.


Naruto entrou em estado de choque, não conseguia mexer um músculo, começou a sentir várias pontadas no coração e uma dor infernal na área do pescoço sem mais nem menos começou a gritar em desespero, ato que chamou a atenção das enfermeiras que entraram correndo no quarto.


Boruto não conseguia entender nada que estava acontecendo, para ele seu pai estava apenas dormindo. O recém-nascido gritava junto com o pai, mesmo não sabendo de nada, estava assustado.


Uma enfermeira pegou o bebê no colo e tentou acalmá-lo enquanto outra verificava o estado de Sasuke que já estava começando a ficar pálido. Naruto não parava de gritar, se ajoelhou no chão e se contorcia em dor, seu ômega, precisava do seu ômega, no entanto já não era mais seu.


Boruto tentou acordar o pai de todas as formas possíveis, mas não conseguia de jeito nenhum então começou a chorar no peito dele, sentia uma dor no coração ao ver o mais velho desacordado.


— Sasuke...SASUKE...acorda meu amor... por favor meu ômega...eu não quero ficar longe de você... — Naruto correu até a maca e balançava os ombros de Sasuke em desespero, mas nada acontecia, nada... Deu um último beijo no seu amado.


"Naruto, certo? vamos ser amigos"

" Naruto eu tive o meu primeiro cio e descobri que sou um ômega"

"Naruto, eu te amo vamos ficar juntos pra todo sempre. Eu te amo."

"Acho que quero me casar, Naruto vamos nós casar."

"Naruto você me torna o seu ômega?"

" Alfa eu to doente... eu to com câncer...eu não sei quando será o fim mas até lá eu quero ter uma família com você"

"Naruto...eu meio que...Naruto, eu to grávido."

"Naruto eu vou precisar fazer uma cirurgia para remover o tumor"

"Naruto se eu morrer diga ao Boruto que eu o amo muito"

"Naruto eu quero muito ter outro filho com você"

" Eu quero que você seja meu alfa até o último minuto de minha vida."

" Sim Sasuke eu serei seu alfa na vida e na morte. Sasuke eu irei atrás de você não importa onde. Eu te amo e não irei deixar você ir embora sem mim" By: Naruto Uzumaki Uchiha.

♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥~♥


Espero que tenha gostado bjs ate a próxima.

Feb. 25, 2018, 5:31 p.m. 0 Report Embed 6
The End

Meet the author

Mandy Assis https://www.facebook.com/mandy.assis.56

Comment something

Post!
No comments yet. Be the first to say something!
~