95725.47 Follow story

juuhwalker Juuh Walker

Datas são importantes para muitos soldados; reuniões, treinamentos e simulações. As datas eram um meio de fazê-los lembrar de compromissos indispensáveis para que o universo continuasse seu ciclo infinito. E para Lee, as datas passará a ganhar um significado mais que importante se um certo Coronel de Suna estivesse envolvido. | UA! Space | Art por Hikanon1336 |


Fanfiction Anime/Manga Not for children under 13.

#ProjetoLory2018 #yaoi #naruto #ValentineDay's #gaalee #rock-lee #fuffly #sabaku-no-gaara #Gaara-Lee #Dia-dos-namorados #São-Valentin #Valentine-Day #DesafioSNSChurch #fanficsotaconda
Short tale
59
8621 VIEWS
Completed
reading time
AA Share

Vaga-lumes

Notas do Autor: 

Minha primeira fic aqui ! Espero que gostem ♥


Fanfic especial para o dia dos namorados ♥


Boa leitura


---------------


— Lee, para onde estamos indo?


— É supresa!


— Hmm…


Gaara se deixou levar pelos corredores, sua mão era segurada fortemente pela de Lee, e mesmo que as faixas que a cercavam não o deixasse senti-lo completamente, estava quente.


O ruivo fitava os cabelos negros do Primeiro Tenente e sabia que o moreno sorria, ambos passavam pelos corredores da nave, recrutas paravam o que faziam e prestavam continências, outros olhavam surpresos e cochichavam entre si, ora não era assim tão estranho, era apenas o 1° Tenente do Esquadrão Verde de Konoha, Rock Lee, correndo pelos corredores de mão dadas com o Coronel de Suna, Gaara Sabaku. Nada de mais.


Os corredores eram largos e extensos, Gaara já estava ofegante e preste a pedir uma pausa quando o moreno parou em frente a um elevador. As portas de metais se abriram e Gaara foi puxado a dentro.


Os dois pararam lado a lado, mas sua mão não foi solta.


Lee levou o polegar a um painel médio acima dos botões, um som baixo foi ouvido e o scaner apitou.


“Primeiro Tenente, Divisão 8, Rock Lee. O que deseja?”


A voz mecânica feminina não surpreendeu o ruivo, já que grande parte das naves possuíam um computador central.


— Tieria¹! Estufa Primordial, por favor!


“Sim, Primeiro Tenente.”


As portas se fecharam e o elevador passou a se mexer


— Estufa? - Gaara olhou para o moreno.


— Bom… - levou a mão enfaixada até a bochecha e coçou a área. — É surpresa. virou-se para o ruivo e sorriu.


Gaara deu de ombros e esperou, os botões piscavam a cada andar que passavam, e foi as luzes azuis que distraiu o ruivo até chegarem ao destino.


Lee cantarolava uma música que o ruivo nao conhecia, a cabeça balançava no ritmo e os fios negros e grossos se moviam tão levemente e soltos.


Gaara fitou um ponto qualquer, se perdendo em pensamentos. Os dedos envolta de sua mão se fecharam mais, tirando o ruivo de seus pensamentos.


O elevador parou e levou alguns segundos para a porta se abrir.


Gaara não soube explicar o que viu, seus olhos verdes se arregalaram e sua boca se abriu. Sua mão foi puxada e suas pernas se moveram. As portas de metais se fecharam e um vento quente o envolveu.


A Estufa era imensa e o ruivo se perguntou qual seria sua extensão, o lugar estava escuro com um brilho artificial vindo do teto oval, quase como a luz da lua. A frente do elevador havia uma trilha de pedras, ao redor havia matos e árvores, o teto era de vidro com chapas que transmitia luz e o ruivo deduziu que era a partir dali que o clima era controlado. Cheiro de flores invadiu suas narinas, Gaara inspirou fundo e fechou os olhos.


— Você gostou?


A voz rouca do moreno estava baixa, como não querendo atrapalhar o momento.


— Por que me trouxe aqui? - o rosto do Primeiro Tenente corou.


— Bem, eu queria te mostrar a Estufa faz algum tempo, eu sei que você gosta muito de flores, mas a Yamanaka-san só me deu autorização hoje. - coçou a nuca. — Há mais coisas que quero te mostrar, vem!


Gaara se deixou levar, sua atenção alternava entre a paisagem noturna e o homem a frente. Lee não soltou sua mão em nenhum momento do passeio, ambos andavam lado a lado e o moreno dizia sobre algumas plantas que lá havia, e mesmo que Gaara já conhecesse aquelas informações não se importou de ouvir Lee descrever cada ponto importante de uma Hera Venenosa modificada geneticamente pelos Yamanakas.


Quando Gaara assumiu o cargo de Coronel de Suna, uma de suas primeiras ordens foi criar uma estufa em Suna, em homenagem a sua mãe. O ruivo cuidava de parte do local com ajuda de sua aprendiz, Matsuri. Por não haver muitas sementes, mas sim muita terra fértil em Suna, um acordo com Konoha foi feito, terra fértil era exportada, Suna importava sementes a mando de Gaara, seu conhecimento em plantas e medicamentos foi fundamental para o acordo, os Yamanaka era os responsáveis pela estufa de Konoha, então Gaara tinha conhecimento do lugar, mas Lee não precisava saber daquele detalhe.


— Chegamos.


O ruivo precisou desviar o olhar lugar, pousar em Lee e então fitar o que o moreno apontava. Um banco de madeira era iluminado por um lampião pendurado em uma árvore logo atrás, a luz era envolvida por pequenas luzes que piscavam que flutuavam envolta, umas das pequenas luzes se aproximou e Gaara pode ver melhor.


Vaga-lumes.


— São de verdades. Ino diz que deixa a estufa mais bonita, ela bateu o pé para que o laboratório criassem alguns. - o episódio era contado entre sorrisos.


Lee voltou a andar até o banco e puxou o ruivo para sentar-se ao lado. Gaara não desviava os olhos do pequenos vaga-lumes que passaram a cerca os dois.


— Gaara eu te trouxe aqui porque… - Lee colocou as mãos no meio das pernas abertas.


O ruivo desviou o olhar das pequenas luzes verdes para o homem ao lado.


— Estou ouvindo. - incentivou.


— Hoje é quatorze de fevereiro, - as bochechas coraram e os dedos enfaixados coçou a nuca. — E eu vi em um dos livros do Gai-sensei que antigamente se comemoravam essa data. - as mãos enfaixadas se esticaram até Gaara e pareceu tirar algo de seus fios vermelhos.


Por instinto Gaara levou a mão até os fios onde Lee tocara.


— Catorze de fevereiro era comemorado os dias dos namorados. - Lee desviou o olhar da folha que tirara do cabelo do ruivo para fitar seus olhos verdes pela primeira vez naquela noite. — E eu queria te trazer pra comemorarmos.


— Por quê? Nós somos namorados? - Gaara inclinou a cabeça para o lado.


— Sim! Quer dizer, não! Quer dizer, eu não sei! - Lee se sobressaiu e levantou os braços. — Eu li que casais passam o dia juntos e trocam chocolates ou presente, ou apenas ficam juntos o dia todo! Nós estamos juntos há dois anos e nós fazemos tudo o que casais fazem, e… - Lee parou de falar no momento que viu a expressão surpresa do Coronel. — Quer dizer não tudo! Nós somos um casal que nem Shikamaru-san e Neji-san, não que sejamos iguais a eles, eu só-


— Lee! - Gaara tocou as bochechas do moreno com ambas as mãos. — Respira. - pediu inspirando e expirou fundo, Lee o imitou. — Agora fale. - os lábios se repuxaram em um sorriso.


— Eu… Eu amo você, Gaara-kun. Muito. - as palavras saíram rápidas e diretas.


— Oh… - as mãos se afastaram do rosto do outro devagar. Desviou o olhar.


— Gaara… - Lee inclinou o rosto, tentando ver o rosto do ruivo. — Eu disse alguma coisa errada? Me desculpe se o que falei te ofendeu ou você não gostou! - a ansiedade gritou mais alto e Lee entrou em desespero.


— Não foi isso! - Gaara virou o rosto rapidamente.

Ambos arregalaram os olhos e coraram fortementes, seu rosto estava a milímetros de distância do Primeiro Tenente. Lee sentiu o hálito de Gaara em seu queixo, sua própria respiração foi cortada, não sabendo se deveria dizer algo.


— Gaa-


Gaara cortou o espaço que havia entre eles de uma vez. Os lábios se tocaram de leve, os olhos não se desviaram e Lee ter visto um vagalume naquelas orbes verdes. O ruivo foi o primeiro a fechar os olhos, seus punhos cerraram e apertaram o uniforme que usava. Lee arriscou elevar a mão, hesitando no caminho até ver Gaara fechar os olhos, seus dedos tocaram a bochecha do ruivo com hesitação, sua visão escureceu e se permitiu apreciar o som em volta.


Não era o primeiro beijo de ambos, entretanto era o primeira vez que ambos se beijavam como namorados e Lee nunca achou que um detalhe fizesse toda diferença. Meu namorado, Gaara-kun é meu namorado! O homem sentiu seu peito se encher de um calor gostoso, não querendo que aquele ato tão singelo terminasse.


Os lábios se separaram lentamente e Gaara foi o primeiro a abrir os olhos devagar não afastando o rosto, sua testa tocou a do moreno, seus dígitos tocaram a mão em seu rosto.


— Feliz dia do namorados, Lee.


Lee moveu o polegar na bochecha e moveu a cabeça no eixo, esfregando seu nariz na do ruivo e ambos sorria.


— Feliz dia dos namorados, Gaara-kun.


--------------


Notas do Autor:

¹ Tieria é um personagem do Gundam 00 que eu amo muito xD

Feb. 24, 2018, 8:19 p.m. 5 Report Embed 16
The End

Meet the author

Juuh Walker Olá! Seja bem-vindo ao meu mundo! Pegue sua pipoca, seu óculos de leitura, fones de ouvido e um cobertor quentinho ou um ventilador se estiver no verão e, por vias das duvidas, um cinto de segurança! ~Enjoy Você também pode me encontrar em outras plataformas assim como minhas fics o/ Ink: https://getinkspired.com/pt/u/juuhwalker Nyah: https://fanfiction.com.br/u/138682 SpiritSocial: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/noririn Sweek: https://sweek.com/profile/660116/74088

Comment something

Post!
Isis Isis
Fofos! Amei Lee todo nervoso.
April 18, 2018, 4:02 p.m.
Vit�ria Espinafre Vit�ria Espinafre
Você escrever super bem, e eu amei essa onde *-*
Feb. 25, 2018, 8:42 p.m.

Pekena UzUc Pekena UzUc
Oia eu aqui acompanhando minha namorida ♡ Essa one é maravilhosa e muito fofa ♡♡ eu amo ela ♡
Feb. 25, 2018, 7:30 p.m.
~