Kurzgeschichte
0
2.3k ABRUFE
Abgeschlossen
Lesezeit
AA Teilen

Alguém?

Depois que a gente comete tantos erros com as pessoas, percebemos que tudo aquilo que elas faziam, são coisas que sentimos falta agora.

Sabe aquele abraço que ele te dava quando você estava brava e descontava sua raiva nele? Sabe aquele desejo de te ver no outro dia que não o deixava dormir a noite? Sabe aquele olhar quando você fazia algo fofo sem nem perceber?

Isso são coisas que nós não percebemos que são importantes no começo, mas depois nos pegamos sozinhos no meio da noite acariciando nosso próprio quadril, do mesmo jeito que ele fazia até cair no sono. Ou nós entrelaçamos nossas próprias mãos para sentirmo- nos seguros do mesmo jeito que ele fazia- nos sentir.


A saudade não é dele em si, e sim da sensação de que éramos amadas. Mas então nós erramos, afastamos todos eles de novo, e dessa vez não tem um novo esperando na prateleira, e você procura por outro, e encontra um perfeito, mas antes mesmo de começar algo você fica com medo, e joga fora.

Você fica com medo de quebrar esse como quebrou os outros, e ele é tão incrível que você prefere deixar nas mãos de outra pessoa, simplesmente por que acha mais seguro do que mantê- lo com você.

Você chora de saudade, mas não volta atrás mesmo com ele lá esperando.

É uma sensação horrível ter medo de si mesmo.

Você acha que tudo que toca irá quebrar, então você fica longe de tudo esperando se aproximarem de você, mas quando isso acontece você também o repele.

Não acha que é hora de se permitir levar? De apenas deixar o tempo decidir quem virá ou irá?

É difícil não é? Você já se acostumou tanto com alguém do seu lado, mas agora você está completamente sozinha, e acha impossível deixar tudo nas mãos do tempo quando você sabe que força todos os acontecimentos da sua vida por causa do seu desespero de sair disso.


Você só quer sentir alguém com você, tanto que se permite ser usada apenas por uma sensação momentânea de companhia, e acha que tudo bem, mas só por que você não têm nenhuma outra opção.

Todos sabem quem você é, o que você já fez, e julgam você todos os dias por isso. Suas melhores amigas? Elas também pensam assim, mas elas não jogam na sua cara e nem falam nas suas costas, simplesmente pensam, e é isso que te irrita, por que na cabeça delas é "ela é uma vadia, mas não é uma pessoa ruim".

E agora você está aí, sozinha, ansiosa por uma mensagem de quem quer que seja apenas para te servir de companhia e te chamar de amor.


Você virou a noite jogando tentando de distrair, tentando pensar em alguém, forçando se apaixonar, mas agora você vê que não é mais tão simples, por que ninguém mais se interessa por você.







18. Dezember 2019 10:14:36 0 Bericht Einbetten 1
Das Ende

Über den Autor

Kommentiere etwas

Post!
Bisher keine Kommentare. Sei der Erste, der etwas sagt!
~