0
2.7k ABRUFE
Im Fortschritt - Neues Kapitel Alle 30 Tage
Lesezeit
AA Teilen

Começo

"Olhai, bendizei ao senhor vos todos os servos do senhor" salmo 134.

Olá, sou o junio e nestes três capítulos vou contar um pouco da minha história.

Aqui será dividida em três capítulos, o primeiro Capítulo será chamado de começo.

O segundo capítulo meio.

E o terceiro e último capítulo terá o nome de fim.

Boa leitura.

Naquela manhã Paulo havia brigado com seu padrasto pela terceira e última vez.

Desta feita Paulo resolve tomar uma decisão que mudaria toda a sua história.

Filho de escritores de renome, nascido na Paraíba, mais precisamente em João Pessoa.

Filho de uma família com um padrão de vida bem melhor do que os demais, viviam bem pois seu pai dona da principal gráfica da cidade, além dos folhetos publicava também os periódicos.

Porém o pai de Paulo teve um ataque súbito e veio a morte.

Sua mãe logo tratou de por um substituto no lugar do pai de Paulo,

E Paulo não se deu bem com o fulano de tal, assim Paulo chamava o seu padrasto.

Naquela manhã bem cedo consegue uma carona para o Rio de Janeiro, seu Valter fazia fretes e Paulo conseguiu embarcar no caminhão de seu Valter.

Uma vez no Rio o que fazer, com sete anos foi morar na rua e passou fome e frio, até que dona Ivone resolve ajudar o pequeno Paulo.

E internando em uma escola do governo, Paulo sai se lá com seu segundo grau em maos e começa a sua vida no Rio de Janeiro.

Era o ano de 1944.

O mundo está para ter uma guerra fora do comum.

Paulo com seus 20 anos começa a se envolver com mulheres e engravida Telma que tem duas filhas com Paulo.

Do outro lado do país no estado de Goiás, Rosa está com sete anos e tem um sonho o de se formar professora e poder ajudar sua família, financeiramente pois viviam uma pobreza que dava do.

E o tempo passa.

um casal compra uma mina de ouro na cidade de auruminas e Rosa com dezoito anos começa a trabalhar com os Sousas.

E surge uma oportunidade dos sonhos, mudar para a cidade e poder estudar.

Os Sousas tinham uma casa em anapolis e Rosa vai com eles e começa a trabalhar como doméstica para os Sousas e estudar anoite.

Só que o destino traça os rumos da nossa vida.

Paulo havia se mudado para anapolis deixado a mulher e as duas filhas para trás.

E em anapolis já tinha outra mulher e três filhos pequenos.

Rosa todos os dias passava próximo a banca do seu Paulo, comprava um jornal para o seu Sousa e levavá as compras do mercado.

Bom de lábia logo Rosa cai na armadilha de Paulo.

E no dia 19 de julho de 1961, eu vim ao mundo.

Após Paulo ter tirado a virgindade de Rosa e engravida-la os irmãos de Rosa obrigaram Paulo assumir aquela criança.

Então os sonhos de Rosa foram deixados para um segundo plano agora com um filho pequeno sem ninguém para ajudar pois Paulo aparecia uma vez ou outra.

Rosa sofre muito com aquela situação e para complicar havia certos lugares que eu não podia ir, pois a outra família de Paulo não sabia dos fatos, muito menos que Paulo tinha outra mulher e com um filho pequeno.

minha mãe Rosa era devota de nossa senhora aparecida e meu pai Paulo era espírita do candomblé.

Eu tinha sonhos horríveis coisas tão terríveis que não ouso aqui contar.

Teve um fato que muito me marcou, uma noite acordei com muita febre e uma dor de cabeça terrível que me acompanhou por muitos anos.

Mas nem tudo era tristeza tinha o tio Miguel que todas as vezes que voltava das viagens passava em casa e eram dias de festa muita bebida alegria e uma geladeira farta.

Ele me presenteou com uma máquina polaroide aquela que revelava a fotografia na mesma hora.

Então comecei a minha caminhada.

Passei a estudar no grupo escolar são Sebastião, aonde João Bento támbem estudava, eu frequentava a igreja católica e era coroinha.

Me lembro que de uma vez, um bando de garotos fazendo muito barulho na igreja e eu lá ajoelhado rezando a são Sebastião,

O Frei Romualdo saiu da casa pastoral e todos saíram correndo eu como estava rezando fui o castigado levei uma bofetada do padre e sai chorando da igreja, fiquei muito tempo chateado com aquilo.

E o tempo passou eu estava com quinze anos, até que um dia passando pela rua fui abordado por duas moças, Madalena e marluce, eram minhas irmãs.

Madalena já estava para se casar e eu fui convidado para o casamento.

Então conheci o estante da família e fiquei sabendo que tinha mais dez irmãos.

Logo eu que sempre fui quieto no meu canto, tinha o aldo, Ronaldo, a Sonia o João o Gaspar e Eduardo e o Aguinaldo, meus amigos.

Agora tinha mais dez irmãos, a o primo Willian e beta.

Grupo restrito como eu sempre fui.

Me lembro um dia, eu estava louco para trabalhar e na minha época não tinha este negócio de idade não.

Eu estava na rua com uma caixa de picolé e meu pai passou e me deu a maior bronca.

Então conseguiu uma vaga na gráfica arco iris e comecei como aprendiz.

De lá fui trabalhar no café 3 poderes ENCARREGADO do almoxarifado.

Comprei uma bicicleta monark aro duplo amarela, a coisa mais linda do mundo. kkkkk

Então conheci a helênice foi amor a primeira vista, bom só da minha parte, para ela eu não existia.

Então tive e a minha primeira vez com dezessete anos, foi com uma dama da noite.

Combinei o pagamento e foi muito bom e dai não parei mais.

Minha mãe trabalhava no hospital Santo Antônio como ajudante da cozinha e as coisas estavam se ajeitando.

Até que chega o momento de me alistar, logo eu que sempre tive medo de polícia e de tomar injeção.

Então no dia primeiro de Janeiro de 1980, eu junio me tornei recruta na base aérea de anapolis....

god Bless you


30. Juni 2023 11:00 0 Bericht Einbetten Follow einer Story
0
Lesen Sie das nächste Kapitel Meio

Kommentiere etwas

Post!
Bisher keine Kommentare. Sei der Erste, der etwas sagt!
~

Hast Du Spaß beim Lesen?

Hey! Es gibt noch 2 Übrige Kapitel dieser Story.
Um weiterzulesen, registriere dich bitte oder logge dich ein. Gratis!